Sinalizador entra no estádio dentro do sapato, diz advogado do Corinthians



O advogado do Corinthians, João Zanforlin, apontou ontem em julgamento no STJD que os torcedores entram no estádio com sinalizadores dentro do sapato e que seria impossível a polícia verificar cada uma das cerca de 30 mil pessoas que vão aos jogos do time. Esse foi um dos argumentos apresentados na defesa do clube em relação aos sinalizadores acesos no jogo contra o Coritiba, no último dia 4.

Ainda de acordo com Zanforlin, o clube identificou um torcedor que acabou sendo preso por ser o responsável por comprar os artefatos na 25 de Março, tradicional região de comércio popular da capital paulista. Além disso, afirmou que os sinalizadores não causam maiores danos pois são produtos utilizados em festas de aniversário e que só fazem fumaça.

Apesar dos argumentos do advogado do Corinthians, o clube foi multado por R$ 7 mil.



MaisRecentes

Executivo analisa direitos de transmissão: ‘O problema é que não há modelo no Brasil’



Continue Lendo

Candidato da oposição no São Paulo quer Abílio para negociar dívida com bancos



Continue Lendo

Governo oficializa nomes para compor a Apfut



Continue Lendo