Ricardo Teixeira apresenta atestado médico e não vai à CPI da Máfia do Futebol



Aguardado para prestar depoimento à CPI da Máfia do Futebol nesta terça-feira, 14, o ex-presidente da CBF Ricardo Teixeira não irá a Brasília para falar sobre sua gestão à frente da entidade por conta de uma cirurgia. Esta foi a alegação do ex-dirigente, que apresentou um atestado médico à secretaria da CPI como justificativa para sua ausência.

De acordo com a assessoria da CPI, a convocação de Teixeira para falar sobre os mais de 20 anos que comandou a CBF será mantida e uma nova data para seu depoimento será marcada.



MaisRecentes

Vasco quer aumentar uso do Maracanã para impulsionar projeto de sócio-torcedor



Continue Lendo

Torcedores podem acionar Ministério Público contra Pedro Abad



Continue Lendo

Campanha ajuda Fortaleza a trazer de volta atacante Osvaldo



Continue Lendo