Desavenças no elenco influenciaram em saída de Mano Menezes da China



O técnico Mano Menezes surpreendeu ontem ao divulgar em nota que deixaria o comando do Shandong Luneng após apenas seis meses de trabalhos na China. Segundo ele, foi feito um acordo com a direção do clube asiático para a rescisão do contrato. Segundo informações da coluna, além dos maus resultados em campo (é o vice-lanterna da Superliga chinesa), um dos motivos que fez o treinador desistir de treinar a equipe foi a dificuldade de unir o elenco.

Internamente, havia desavenças tanto entre jogadores que foram jogar no país como também entre esses e os atletas chineses. Entre os estrangeiros estão os brasileiros Gil, Jucilei, Diego Tardelli e Aloísio, e o argentino Montillo. Há alguns dias, os problemas no elenco foram relatados por um dos jogadores brasileiros a colegas de seu ex-clube no Brasil.

Colaborou Rodrigo Vessoni



MaisRecentes

‘Momento é delicado e precisamos reorganizar o esporte’, avalia João Derly



Continue Lendo

Novo presidente do COB tem reunião à vista com ministro do Esporte



Continue Lendo

Aposta de advogados é ‘condenação formal’ para Marin. Julgamento é aguardado por Del Nero



Continue Lendo