Seleções de vôlei do Brasil terão isotônico personalizado na Rio-2016



Em parceria com a Gatorade, a Confederação Brasileira de Vôlei (CBV) realizou nesta semana testes de suor com 35 jogadores das seleções masculina e feminina que disputarão a Liga Mundial, Grand Prix e os Jogos Rio-2016. O material colhido com adesivos colados no corpo serão enviados para o laboratório da marca de isotônicos nos EUA para a produção de isotônicos personalizados de acordo a necessidade de hidratação de cada atleta.

A primeira vez que os testes de suor foram realizados para a elaboração de bebida específica para cada atleta foi em 2014, na preparação da Seleção Brasileira de futebol para a Copa-2014.



MaisRecentes

Acertos na parte elétrica e permuta: meios de baratear Parque Olímpico



Continue Lendo

‘Eliminação da Libertadores não atrapalhará as finanças do Flamengo’, garante vice-presidente do clube



Continue Lendo

Dirigentes brasileiros vão pressionar presidente da Conmebol em reunião na CBF



Continue Lendo