CBF fatura mais em patrocínio que os seis maiores clubes juntos



Apesar da queda de 6% nas receitas de patrocínios em 2015, a CBF faturou bem mais que os grandes clubes do país. Os R$ 340 milhões da área superaram a soma de R$ 228 milhões dos seis maiores clubes nessa receita, que são Flamengo (R$ 85 milhões), Palmeiras (R$ 70 milhões), Corinthians (R$ 67 milhões), Grêmio (R$ 35 milhões) e Inter (R$ 35 milhões).

A CBF, entretanto, investiu menos em futebol que quatro grandes clubes. O custo de R$ 226 milhões da entidade na área ficou atrás de Cruzeiro (R$ 306,4 milhões), São Paulo (R$ 273,6 milhões), Corinthians (R$ 250,3 milhões) e Palmeiras (R$ 246,1 milhões).

Os dados são do estudo do colunista do L!, Amir Somoggi, que faz uma ressalva em relação aos custos da CBF com futebol. Para ele, o valor exato seria de R$ 162 milhões, já que a entidade incluiu gastos como os R$ 16 milhões com “órgãos e departamentos de apoio” ou R$ 14 milhões com “projetos de apoio e desenvolvimento”.



MaisRecentes

Contratação de Felipe Melo pelo Flamengo faz parte de ‘presente de Natal’ pedido por Abel Braga



Continue Lendo

Após confirmação de Valentim em 2019, goleiro Martín Silva deve sair do Vasco



Continue Lendo

Arena da Baixada recebe evento com forças da segurança pública do Paraná



Continue Lendo