Ricardo Gomyde será o novo Secretário Nacional de Futebol do Ministério do Esporte



Filiado ao PCdoB, o paranaense Ricardo Gomyde será o novo Secretário Nacional de Futebol e Defesa dos Direitos do Torcedor do Ministério do Esporte, cargo que foi deixado há duas semanas por Rogério Hamam, do PRB, após seu partido romper com o governo. Gomyde foi assessor especial da pasta no período em que Orlando Silva esteve à frente do Ministério, e é ex-secretário de esportes do estado do Paraná.

Ele assumirá o cargo na próxima segunda-feira, 25, com o objetivo de finalizar dois projetos que estão parados no Ministério do Esporte: a Autoridade Pública de Governança do Futebol (Apfut), órgão que ficará responsável pela fiscalização dos clubes no Profut e cujos membros ainda não foram definidos, e o curso de graduação e pós-graduação em gestão do esporte e futebol, que está sendo elaborado em parceria com a Universidade do Futebol.

Gomyde já esteve em Brasília esta semana mas assume a secretaria do Ministério do Esporte a partir da próxima segunda, quando terá reunião com representantes da Casa Civil. Em um primeiro contato, ele chegou a recusar o cargo mas acabou aceitando após a indicação de clubes e do antecessor Rogério Hamam ao ministro Ricardo Leyser.

Nos bastidores, a ida de Gomyde para o Ministério do Esporte é vista como provisória por conta das indefinições em relação ao governo de Dilma. Entretanto, ele assumirá o cargo para ao menos tirar do papel a Apfut e o curso de gestão, feito em parceria com a Universidade do Futebol.

O receio da pasta é que, se não forem finalizados, ambos os projetos podem ser engavetados em um novo comando do Ministério caso Michel Temer assuma a presidência do país.



MaisRecentes

Presidente da Federação Paulista lamenta calendário apertado em 2018



Continue Lendo

Brasileiro de Aspirantes terá ajuda de custo e passagens bancadas pela CBF



Continue Lendo

Galiotte e Modesto em clima de paz: ‘É um dos mais éticos’, elogia o santista



Continue Lendo