Grupo da CBF pensa em 19 datas para o somatório entre estadual e regional; Paulistão é caso à parte



No grupo de trabalho do Comitê de Reformas da CBF que trata do calendário está avançando no consenso acerca do papel dos Estaduais, levando em conta as Copas Regionais, como a Primeira Liga. A ideia predominante é que a soma Estadual + Regional tenha até 19 datas. E dentro desse cenário seria possível adaptar para cada contexto do país. Como a Primeira Liga caminha rumo às sete datas em 2017, por exemplo, o Carioca teria que significar para os clubes participantes (atualmente, Flamengo e Fluminense) 12 datas.

O Campeonato Paulista é visto como um caso à parte, já que o contrato entre clubes e TV é muito vantajoso e não há interesse dos paulistas em fazerem parte de ligas regionais. Pelas contas que estão sendo feitas, levando em conta que não haverá casamento com o calendário europeu, uma temporada teria por volta de 76 datas oficiais no Brasil.



MaisRecentes

Caso vire empresa, investidores podem quitar dívida do Botafogo em até cinco anos



Continue Lendo

Conselheiros do Vasco vão pedir explicação formal a Campello sobre recusa a novos sócios



Continue Lendo

Conselheiros do Palmeiras cobram diretor de futebol Alexandre Mattos



Continue Lendo