Após dois meses do prazo previsto, Comitê Rio-2016 ainda tem lista de equipamentos para comprar



O Comitê Rio-2016 tinha a expectativa de adquirir todos os equipamentos para os Jogos Olímpicos até janeiro deste ano. Passados dois meses do previsto, entretanto, há uma série de produtos que ainda precisam ser comprados, como o piso da quadra de basquete e os barcos de apoio usados na provas aquáticas.

Apesar do atraso, o Comitê avalia que a lista de compras “não está mais crítica”. O custo total era estimado entre R$ 50 e R$ 60 milhões, mas pode chegar a R$ 100 milhões por conta da alta do dólar.

O Comitê Rio-2016 negociou com a Marinha o repasse de parte dos barcos que serão utilizados nos Jogos Olímpicos após o evento. Entretanto, a iniciativa não ocorrerá pois os modelos são diferentes dos utilizados pelas Forças Armadas, o que fará o Comitê arcar com todos os custos.

No evento teste de maratona aquática no ano passado, por exemplo, foram usadas 42 embarcações como barcos, lanchas, veleiros e botes.



MaisRecentes

Clube da China deve fazer proposta ao Palmeiras para contratar Deyverson



Continue Lendo

Bittencourt é o primeiro presidente do Fluminense a apresentar dirigentes da base em Xerém



Continue Lendo

Pela primeira vez, desde que assumiu a CBF, Rogério Caboclo participará de um programa ao vivo



Continue Lendo