CBF inclui consultor que atua com o Bom Senso na reforma do calendário nacional



O grupo de trabalho ligado ao Comitê de Reformas da CBF que vai discutir mudanças no calendário nacional se reuniu nesta sexta-feira pela primeira vez. E entre os integrantes da comissão está Luis Felipe Chateubriand, que, entre outras coisas, é consultor do Bom Senso Futebol Clube.

Chateubriand, no entanto, não está no grupo de trabalho do calendário levando o nome do Bom Senso, mas sim como “estudioso do futebol”, segundo o termo usado pelo secretário-geral da CBF, Walter Feldman, e confirmado pelo próprio grupo de jogadores.

Ou seja, não é a inclusão do Bom Senso, como pessoa jurídica, nas ações do Comitê de Reformas da CBF. No entanto, é a brecha para atuação de uma mente que compactua com – e até gera – as ideias do BSFC.

Também participaram do grupo de trabalho do calendário, além de Feldman e Chateubriand, Carlos Alberto Parreira, Carlos Alberto Torres, Edmilson, Ricardo Rocha, Daniel Nepomuceno (Atlético-MG), Ednaldo Rodrigues (Federação Bahiana), Castellar Neto (Federação Mineira), Thiago Scuro (Cruzeiro, representando Gilvan Tavares).



MaisRecentes

Atlético Mineiro entra no mundo das ‘Bitcoins’



Continue Lendo

Final da Libertadores desperta interesse do espectador brasileiro e audiência explode



Continue Lendo

Pedro Abad pode deixar o comando do Fluminense ainda em 2018



Continue Lendo