Neymar não será punido nos gramados em processo do Santos na Fifa, diz especialista



O processo do Santos na Fifa contra Neymar não acarretará punição ao craque nos gramados. Segundo o especialista em direito desportivo, Carlos E. Ambiel, não houve infrações na transferência do atleta para o Barcelona do ponto de vista esportivo.

– O Santos autorizou, o Barcelona também, a CBF deu a liberação e a Federação Espanhola recebeu a documentação”, aponta Ambiel.

O advogado avalia ainda que a chance de haver punição tributária e civil é clara pela operação ter lesado terceiros (como investidores) e gerado imposto menor por ter abrangido valores maiores que o divulgado oficialmente.

Após entrar com o processo em maio de 2015, o clube recebeu na semana passada a apresentação da defesa no caso e enviará uma réplica à Fifa ainda neste mês.

O interesse do Santos no processo contra Neymar é na indenização na diferença dos valores apresentados na negociação com o Barcelona. Entretanto, uma punição ao jogador nos gramados está prevista no artigo 17 do regulamento de transferências da Fifa.

 



MaisRecentes

CBF manda representante para Salvador para acompanhar arbitragem da final da Copa do Nordeste



Continue Lendo

Sindicato cria norma para repassar direito de arena a atletas em até 5 anos



Continue Lendo

Flamengo projeta receita de mais de R$ 40 milhões com sócio-torcedor em 2017



Continue Lendo