Zico defende ‘explosão’ da atual CBF



Zico pegou pesado com a CBF em uma palestra para alunos da FGV, no Rio, sobre a política no futebol mundial.

– Tinha que explodir lá. Não matar ninguém, mas tem que explodir. Vir coisa nova. Tem que ser criada uma nova CBF, com transparência – disparou o Galinho, que ainda emendou:

– Não é a toa que temos um presidente da CBF preso e dois indiciados. E temos agora um que não sabemos quem é – disse ele, referindo-se a José Maria Marin, Marco Polo Del Nero, Ricardo Teixeira e Coronel Nunes.

Zico reforçou o planejamento de não tentar mais se eleger para cargos na gestão do futebol, como fez ao buscar a presidência da Fifa. O discurso do Galinho, ressaldo que a Fifa caiu “no colo” de Gianni Infantino, é focar na carreira de treinador.



MaisRecentes

Atlético Mineiro entra no mundo das ‘Bitcoins’



Continue Lendo

Final da Libertadores desperta interesse do espectador brasileiro e audiência explode



Continue Lendo

Pedro Abad pode deixar o comando do Fluminense ainda em 2018



Continue Lendo