Ministério Público quer ter controle online da venda de ingressos para o futebol



Sistema facilitaria o monitoramento dos torcedores em jogos de futebol

Será debatida neste ano uma proposta para controlar pela internet a venda de ingressos para jogos de futebol no país. A ideia é criar uma base de dados com informações dos compradores das entradas para facilitar o monitoramento dos torcedores. A iniciativa do Ministério Público de SP será levada pelo promotor de justiça Paulo Castilho para ser debatida na Comissão Permanente de Prevenção e Combate à Violência nos Estádios.

– Queremos informatizar toda a venda de ingressos pela internet – diz Castilho.

Segundo o promotor, o projeto já foi passado para os promotores de justiça de outros estados e seu principal objetivo é facilitar a identificação de torcedores através do monitoramento online.

– Seria mais um passo no combate à violência nos estádios – comentou o promotor de justiça, que cita a internet como uma importante ferramenta para ações preventivas nos jogos de futebol.

Em relação ao combate à violência nos jogos em 2015, o promotor de justiça do MP-SP apontou que mais de 120 torcedores foram presos, afastados ou suspensos das partidas, principalmente a partir de maio do ano passado, quando foram ampliadas as competências do Juizado do Torcedor nos jogos no estado de São Paulo.

– Hoje temos uma situação muito sob controle sobre violência no futebol – completou Castilho.



MaisRecentes

STJD nega pedido do Vasco de efeito suspensivo em perdas de mando



Continue Lendo

Técnicos articulam pela redução de demissões no Brasil. Alguns cogitam até ‘boicote’



Continue Lendo

Dirigente do Flu reconhece excesso de jovens no elenco: ‘Ideal é ter mescla’



Continue Lendo