Rio Open 2016 já tem 25 empresas parceiras e investimento de R$ 32 mi



Espanhol Rafael Nadal será o principal nome do torneio

Em sua terceira edição, o Rio Open já conta com um investimento de R$ 32 milhões, superando assim a verba da edição do ano passado, que foi de R$ 30 milhões. A pouco mais de um mês para seu início, no dia 15 de fevereiro, o torneio de tênis já conta com o patrocínio e apoio de 25 empresas, o principal deles da operadora Claro, que será a patrocinadora master da competição. Segundo a organização do evento, o índice de renovação dos acordos de patrocínio para este ano foi “altíssimo”, chegando a 85%.

Apesar dos bons números já obtidos até o momento, a verba do Rio Open-2016 poderá aumentar até o início dos jogos. Segundo a organização do torneio, há ainda pelo menos três segmentos de cotas abertas para a competição: farmacêutica, bem-estar e escola de idiomas. A última marca a se juntar ao torneio foi a empresa de cosméticos Granado, anunciada no início desta semana.



MaisRecentes

Brasil quer sediar as finais da Copa Davis



Continue Lendo

Após críticas, deputado decide retirar projeto que veta patrocínio de refrigerantes ao esporte



Continue Lendo

Sem recursos, processo por uso de falsificação por parte do Inter ‘morre’ no STJD



Continue Lendo