Substituto de Kalil na Liga é incógnita; Petraglia diz que, por ora, não herda o cargo



Os membros da Primeira Liga (Sul-Minas-Rio) vão deliberar só depois da virada do ano sobre a decisão de apontar ou não um substituto para Alexandre Kalil, que se demitiu da função de CEO da Liga. Kalil pediu para sair no sábado e era o principal responsável pelas negociações comerciais.

Mario Celso Petraglia, do Atlético-PR, que no mês em que passou como “co-presidente” chegou a ter conversas com empresas e emissores de TV, diz que, por ora, não ficará com a missão.



MaisRecentes

Restituição crescente de verba dá ‘gás’ para Ministério do Esporte lutar por orçamento



Continue Lendo

Vadão está de volta à Seleção Brasileira feminina



Continue Lendo

Árbitro da final da Copa do Brasil é cruzeirense. Mas isso não tem a ver com futebol



Continue Lendo