Presidente do Santos critica Seleção permanente de futebol feminino da CBF



Modesto diz que iniciativa da CBF “caiu por terra” após oito jogadoras terem ido jogar no exterior

Presidente do Santos, clube que mais investe no futebol feminino no país, Modesto Roma Júnior criticou o fato da CBF montar uma Seleção Brasileira permanente da modalidade para manter as atletas em atividade e, principalmente, evitar de elas irem para times do exterior.

– A justificativa de criar a Seleção permanente caiu por terra pois oito atletas já saíram para times de fora. A Seleção tem que pegar jogadoras dos clube, e não virar um clube de futebol – disse Modesto durante evento, em Brasília, na última terça-feira.



MaisRecentes

Benemérito do Vasco reclama de obstrução da secretaria para regularizar sócio



Continue Lendo

Vasco fecha com novo patrocinador até o final da temporada



Continue Lendo

Tour da Arena Corinthians já recebeu mais de 100 mil visitantes



Continue Lendo