Nordestão terá protocolo igual ao da Série A, e Liga já prevê mais lucro depois de 2018



A CBF vai implantar na Copa do Nordeste o protocolo já utilizado no Brasileirão e fez um seminário de operações com os participantes para isso. O presidente da Liga do Nordeste, Alexi Portela, apoia a iniciativa, mas prevê alguma dificuldade de adaptação, principalmente nas cidades do interior, onde imprensa e dirigentes estão acostumados a ficar ao redor do gramado.

Para Portela, o protocolo é mais um passo de valorização da competição, especialmente em relação à televisão. A Copa do Nordeste tem contrato de TV fechada com o Esporte Interativo até 2022, mas a parte da TV aberta, feita com a Globl, acaba em 2018. Com o fim do vínculo, a expectativa é aumentar o rendimento com direitos de transmissão.



MaisRecentes

Conmebol anunciará veredito do Flamengo na segunda semana de janeiro



Continue Lendo

Presidência da Primeira Liga fica com o América-MG; vice é do Paraná



Continue Lendo

Botafogo recupera certificado de clube formador da CBF



Continue Lendo