Campeonato Paulista terá passaporte biológico contra doping e servirá como ‘laboratório’



Os jogadores que disputarem o Paulistão-2016 serão submetidos a uma série de exames para terem passaporte biológico. A competição será um embrião do projeto feito pela comissão de doping da CBF, chefiada pelo médico Fernando Solera, de implantar a medida nas competições nacionais.

Solera, inclusive, mantém contato com laboratórios do exterior para aplicar o programa por aqui. O Estadual de São Paulo foi escolhido por ser um território com abrangido por profissionais conhecidos da CBF e como uma forma de diminuir a margem de possíveis erros.



MaisRecentes

À espera de decisão da Justiça sobre eleição, oposição se movimenta no Vasco



Continue Lendo

Instituto Guga Kuerten consegue captar doações via ‘Clube do Patrocínio’



Continue Lendo

Grupos respeitam luto por Eurico, mas rearrumação política está em curso



Continue Lendo