Clube questiona regulamento da CBF que gerou punição no caso Iago Maidana



O Monte Cristo, clube goiano envolvido no caminho do zagueiro Iago Maidana entre Criciúma e São Paulo, entrou com um Embargo de Declaração no STJD para tentar derrubar a condenação em primeira instância que acarretou em multa de R$ 100 mil para cada clube.

O Monte Cristo alega que o Regulamento de Registro e Transferência, documento no qual o Tribunal se baseou para aplicar a punição, não tem aval devido da Fifa e por isso não pode ser aplicado.

O relator do caso, Luiz Felipe Bulus, pediu explicações à CBF para o julgamento do embargo, que será na segunda-feira.



MaisRecentes

CBF deve se reunir com clubes para falar de manifestações políticas



Continue Lendo

Pretenso patrocinador do Vasco já foi punido pela Comissão de Valores Mobiliários (CVM)



Continue Lendo

Mesmo com prêmio milionário, caso conquiste a Copa do Brasil, Cruzeiro deve fechar o ano no vermelho



Continue Lendo