Clubes articulam pressão na CBF por queda do presidente da comissão de arbitragem após o Brasileiro



Sérgio Corrêa tem sido contestado por causa dos erros de arbitragem (Foto: Rafael Ribeiro/CBF)

Já tendo se revoltado individualmente contra o presidente da comissão de arbitragem, Sérgio Corrêa, alguns clubes estão começando a se articular para pressionar, em bloco, a CBF por uma mudança no comando do apito nacional assim que acabar o Brasileirão.

A lista de insatisfeitos tem, por exemplo, Santos, Fluminense, Atlético-MG e Vasco, que não fazem a menor cerimônia em criticar Corrêa publicamente. No entanto, os clubes sabem que é preciso terminar a atual temporada.

A De Prima tentou contato por telefone com Sérgio Corrêa, mas ele não atendeu as ligações.



MaisRecentes

Futebol americano: NFL e Microsoft ampliam parceria de atuação digital



Continue Lendo

Delta torna-se o primeiro parceiro da Olimpíada de Los Angeles-2028



Continue Lendo