Federação Cearense fica satisfeita com lucro no jogo da Seleção e quer mais partidas



Apesar de o Castelão não ter recebido lotação máxima, a Federação Cearense ficou satisfeita com o resultado da bilheteria do jogo entre Brasil e Venezuela, pelas Eliminatórias. Como ficou com 5% da renda da partida, a entidade presidida por Mauro Carmélio embolsou R$ 135 mil só com a venda de ingressos. Mesmo sabendo que outros estados estão na fila para receber a Seleção, os cearenses não tiram da cabeça a vontade de receberem mais um jogo do Brasil nas Eliminatórias. O próximo compromisso em casa do Brasil será em Salvador, contra o Peru, dia 17 de novembro. Em março, contra o Uruguai, ainda não há sede confirmada.


  • leo jacó

    A sel brasileira é uma instituição com uma história super vitoriosa , riquíssima dentro do futebol mundial , coisa que nenhuma outra sel possui e é isso que devemos considerar , desvincula-la da CBF ,dos dirigentes e da política br em geral cheia de corrupção o que faz da sel tbm uma vítima como todos nós brasileiros , ela merece nosso apoio sempre independente de momento no esporte não só se vence e de vitórias nós já vivemos muito por isso nunca vou deixar de torcer pra amarelinha . pense nisso .
    Fui ao castelão 13/10 e nós cearenses queremos sim que ela retorne ainda nessas eliminatórias mas que seja um adversário tipo arg , uru ou chile …canarinho sempre !!!

MaisRecentes

Globo vê obstáculos na ‘pressa’ da CBF para implantar árbitro de vídeo



Continue Lendo

Procurador do STJD não vê brecha para futura reclamação por causa do árbitro de vídeo



Continue Lendo

Eurico exalta árbitro de vídeo no Brasileiro: ‘Antes tarde do que nunca’



Continue Lendo