Federação Goiana desiste de jogo da Seleção por não ter estádio ‘padrão Fifa’



Novo projeto para o estádio Serra Dourada prevê arquibancada até o nível do gramado

Apesar da intenção da CBF de levar jogos da Seleção para várias capitais do país nas Eliminatórias, a Federação Goiana de Futebol (FGF) não pretende fazer lobby junto à entidade para receber o time canarinho. O motivo? As condições atuais do estádio Serra Dourada. “Com as novas arenas, não temos mais condições de brigar pelas partidas da Seleção”, diz André Pitta, presidente da FGF.

O dirigente goiano, entretanto, diz estar otimista com a reforma do Serra Dourada, que deve começar neste ano. Em licitação realizada em abril pela Agência Goiana de Transporte e Obras (Agetop), o escritório vencedor para elaborar o projeto foi o GCP Arquitetos, o mesmo que projetou a Arena Pantanal, em Cuiabá. A principal mudança prevista para o estádio é nas arquibancadas, que passarão a ir até o nível do gramado.



MaisRecentes

Orçamento de 2018 está sob análise dos conselhos do Flamengo



Continue Lendo

Placar das finanças: Corinthians batalha para fechar 2017 perto do ‘0 a 0’



Continue Lendo

Curso de treinador sem chancela de Conmebol e Fifa liga sinal de alerta



Continue Lendo