Federação Goiana desiste de jogo da Seleção por não ter estádio ‘padrão Fifa’



Novo projeto para o estádio Serra Dourada prevê arquibancada até o nível do gramado

Apesar da intenção da CBF de levar jogos da Seleção para várias capitais do país nas Eliminatórias, a Federação Goiana de Futebol (FGF) não pretende fazer lobby junto à entidade para receber o time canarinho. O motivo? As condições atuais do estádio Serra Dourada. “Com as novas arenas, não temos mais condições de brigar pelas partidas da Seleção”, diz André Pitta, presidente da FGF.

O dirigente goiano, entretanto, diz estar otimista com a reforma do Serra Dourada, que deve começar neste ano. Em licitação realizada em abril pela Agência Goiana de Transporte e Obras (Agetop), o escritório vencedor para elaborar o projeto foi o GCP Arquitetos, o mesmo que projetou a Arena Pantanal, em Cuiabá. A principal mudança prevista para o estádio é nas arquibancadas, que passarão a ir até o nível do gramado.



MaisRecentes

Evento em Paris vai debater questão do clube-empresa no futebol brasileiro



Continue Lendo

Grupos políticos do Vasco pedem fim de gasto extra em viagens



Continue Lendo

Rubens Lopes, presidente da Ferj, vê problema em fluxo de pagamento de cotas de TV aos clubes



Continue Lendo