Número de expulsões de treinadores dispara na Série A-2015 em relação a 2014



A tolerância da arbitragem com os treinadores tem sido muito menor na Série A-2015 em relação ao mesmo período de 20 rodadas do ano passado. Segundo levantamento da CBF, passados os 200 primeiros jogos da competição, 12 “professores” foram para o chuveiro mais cedo, enquanto que na mesma quantidade de jogos de 2014 só dois ouviram a ordem “fora” da arbitragem.

O aumento do número tem relação direta com a “cruzada pelo respeito”, como a CBF batizou a orientação da redução de tolerância às reclamações, sejam de jogadores ou membros da comissão técnica.



MaisRecentes

Futebol americano: NFL e Microsoft ampliam parceria de atuação digital



Continue Lendo

Delta torna-se o primeiro parceiro da Olimpíada de Los Angeles-2028



Continue Lendo