Obra dos Jogos Rio-2016 só ficará pronta após o evento



Segundo documento da APO, obra para as provas de remo nos Jogos Rio-2016 só ficará pronta no 4º trimestre de 2016

As obras realizadas na Lagoa Rodrigo de Freitas para as provas de remo nos Jogos Rio-2016 só ficarão prontas no 4 trimestre de 2016, ou seja, após o evento. É o que consta na versão atual da Matriz de Responsabilidades divulgada ontem pela Autoridade Pública Olímpica (APO). O custo da obra é de R$ 7 milhões e será bancada pelo Governo do Rio de Janeiro. Questionado sobre o assunto, o presidente da APO, Marcelo Pedroso, afirmou que “uma parte do contrato inclui a desmontagem das estruturas”.

A explicação de Marcelo Pedroso, entretanto, não é especificada no documento da APO. No item sobre o projeto, está apenas “reforma e adequação do Estádio de Remo da Lagoa Rodrigo de Freitas”. Em outras obras, como a Arena do Futuro, há um item específico sobre a construção e outro que abrange a “manutenção e desmontagem” do equipamento, cuja conclusão está prevista para 2017.



MaisRecentes

Vice geral do Flamengo minimiza discussão com colega de diretoria



Continue Lendo

Presidente eleito da Federação Mineira vê clubes de BH no mesmo nível de SP e RJ



Continue Lendo

Del Nero promete solução na segunda-feira para transmissão dos jogos da Seleção



Continue Lendo