Ferj contrata agência de marketing para melhorar a imagem do Campeonato Carioca



Carioca deste ano foi marcado por críticas à competição

A Federação de Futebol do Rio (Ferj) promete dar uma repaginada na marca do Carioca após a edição polêmica deste ano, que teve críticas públicas de dirigentes, técnicos e jogadores. Aproveitando que a fórmula do Estadual foi alterada, a entidade contratou uma agência de marketing para pensar em ações para melhorar a imagem da competição. O lançamento da nova marca está sendo projetado para o final do mês. Entre as medidas está, por exemplo, o tour da taça pela capital e cidades do interior.

 

Foi conivente
Após Eurico Miranda criticar a gestão de Roberto Dinamite e anunciar a contratação de uma auditoria para ajudar as finanças do clube, a Frente de Oposição Vascaína soltou um comunicado com críticas ao cartola. Além de apontar que a contratação da empresa ocorreu “com atraso injustificável”, o grupo diz que Eurico foi “conivente com a degradação do clube” pois presidia o Conselho de Beneméritos na gestão anterior.

Artigo vetado
“É uma pena”. Foi dessa forma que o presidente do Sindicato dos Clubes do Estado de SP (Sindi-Clube), Cezar Roberto Granieri, o Betinho, comentou o veto de Dilma ao artigo do Profut que disciplinaria os gastos dos recursos administrados pela Confederação de Clubes (CBC) destinados à formação de atletas. Segundo Betinho, a medida possibilitaria um maior número de projetos criados pelos próprios clubes.

 
Interação
Se o desempenho do Brasil na Rio-2016 depender da interação dos brasileiros com o evento nas redes sociais, os atletas terão que se superar para conquistar medalhas nas próximas Olimpíadas.

Na última quarta, 5, dia que marcou a contagem regressiva de um ano para os Jogos, o Ibope Repucom fez um levantamento de comentários sobre o evento na internet que também apontou de onde eram os internautas que citaram o evento.

No ranking, os EUA ficou em primeiro lugar com 30,5 mil inserções sobre os Jogos Rio-2016, sendo seguido pelo Japão com 25,2 mil posts. Bem atrás, na terceira posição, ficou o Brasil com o registro de 13,5 mil comentários sobre as Olimpíadas.

O ranking considerou interações sobre os Jogos no Facebook, Twitter, YouTube, Fóruns, blogs e sites de notícias de todo o mundo.
De Letra

“Não fomos porque não iria adiantar nada”

Carlos Nunes, presidente da Confederação Brasileira de Basquete (CBB), sobre a entidade não ter enviado representante para a reunião da FIBA que decidirá sobre a Seleção de basquete ter ou não uma vaga nos Jogos Rio-2016.



  • Oliveira Gustavo

    Melhora facil, basta mandar prender o ladrão do presidente da ferj e o Eurico Miranda.

MaisRecentes

Presidente eleito da Federação Mineira vê clubes de BH no mesmo nível de SP e RJ



Continue Lendo

Del Nero promete solução na segunda-feira para transmissão dos jogos da Seleção



Continue Lendo

Presidente da Ferj tira terceira licença em 2017



Continue Lendo