CEO do São Paulo gera insatisfação interna



Bourgeois assumiu cargo no São Paulo há pouco mais de um mês

Em pouco mais de um mês, a atuação de Alexandre Bourgeois como CEO do São Paulo já tem gerado insatisfação interna no clube. Diretores são-paulinos têm se incomodado com o fato de serem fiscalizados pelo executivo e de terem que se adaptar à nova realidade de gestão, bem diferente do que já estavam habituados. Um fato recente que gerou comentários negativos sobre o comportamento de Bourgeois foi a sua visita ao treino do time na última sexta, quando aproveitou para tirar fotos com os jogadores.

Costa quente
Diretores do São Paulo evitam expor a insatisfação com a atuação de Alexandre Bourgeois por conta do executivo ter sido indicado pelo empresário Abílio Diniz, são-paulino fanático. Recentemente, o presidente do clube, Carlos Miguel Aidar, se esforçou para se reaproximar de Abílio, que é tido de extrema importância no novo modelo de gestão que está sendo implementado no Morumbi.

Mais uma
O grupo de empresas que atuam na elaboração do Pacto pelo Esporte, iniciativa que visa maior transparência das entidades esportivas, ganhou mais uma apoiadora, a Estácio. Com o reforço, o grupo passa a contar com um total de 26 companhias. À frente do Pacto estão a Atletas pelo Brasil, Instituto Ethos e Lide Esporte, com apoio do escritório Mattos Filho Advogados.

Vai pra onde?
O projeto de sinalização que está sendo implementado na cidade do RIo de Janeiro para melhorar a orientação de turistas nos Jogos de 2016 já instalou 119 novas placas de um total de 500 que estão previstas. A iniciativa está sendo financiada pelo Ministério do Turismo, que irá repassar um total de R$ 14,5 milhões para o projeto, o que dá um custo de R$ 29 mil por placa.

Promoção
Por conta do Dia dos Pais, o Movimento por um Futebol Melhor realizará uma promoção que dará descontos na compra de produtos das empresas que fazem parte da iniciativa. Ao adquirir três itens das marcas que integram o programa, os sócios-torcedores dos clubes pagarão o preço de apenas dois produtos. Outros itens terão descontos de até 57%, como é o caso de smartphones da operadora TIM.

No cartão-postal
A fabricante de eletroeletrônicos Panasonic irá triplicar sua verba de marketing em 2016 por conta das ações voltadas aos Jogos Rio-2016, evento do qual é patrocinadora. Um dos destaques do plano de ações da companhia será o Pão de Açúcar, cartão-postal do Rio de Janeiro onde a Panasonic pretende realizar diversos eventos durante a realização dos Jogos no país.
Irritação
A diretoria do Santos está muito irritada com a série de recusas da PM que tem impedido o clube da Baixada Santista de jogar no Pacaembu quando já tem outro jogo marcado para a cidade de São Paulo.

A intenção do Santos era já ter utilizado o estádio da capital paulista em duas oportunidades neste Campeonato Brasileiro: contra o Joinville, domingo de manhã, e Vasco, quarta à noite.

Até ontem, o time da Vila Belmiro mantinha a esperança de atuar no Pacaembu para enfrentar o Corinthians no primeiro jogo do confronto válido pelas oitavas de final da Copa do Brasil.

Entretanto, a iniciativa da diretoria santista não se concretizou mais uma vez. Como haverá jogos de Palmeiras e São Paulo na cidade no mesmo dia, o Santos terá que se contentar em enfrentar o rival na Vila Belmiro.
De Letra

“Em nenhum momento isso foi cogitado anteriormente”

Otávio Leite, deputado e relator da MP do Profut, ao ficar sabendo do veto de Dilma ao artigo que possibilitava aos clubes se tornarem empresas.



MaisRecentes

‘Agressividade’ de Mattos no mercado rende brincadeiras nos bastidores



Continue Lendo

CBF planeja Seleção de Masters para 2018: projeto social e de imagem



Continue Lendo

CBF ‘absolve’ árbitro que não viu confusão Vizeu x Rhodolfo, mas STJD vai analisar



Continue Lendo