Deputado federal e acusado de assassinato vão representar a Série B no conselho da CBF



Uma reunião na sede da CBF na tarde desta terça-feira definiu quais serão os representantes da Série B no Conselho Técnico da entidade. Foram eleitos o vice-presidente do ABC e deputado federal, Rogério Marinho, e o presidente do Atlético-GO, Maurício Sampaio.

Marinho foi lembrado mesmo sem comparecer presencialmente ao encontro. Ele foi representado pelo presidente da Federação Potiguar, José Vanildo. O parlamentar fez parte da comissão mista que tratou da montagem do texto da Medida Provisória 671, que trata do refinanciamento da dívida dos clubes com a União e aguarda sanção presidencial.

Já Mauricio Sampaio é empresário, mas vive uma situação conturbada em Goiânia. Ele é acusado de ser o mandante do assassinato de um cronista esportivo, em 2012, e aguarda júri popular.

O próximo passo será definir os representantes das Séries C e D do conselho técnico. Pela Série A, foram eleitos Corinthians, Fluminense, Atlético-PR, Atlético-MG e Grêmio.



  • carlos

    É tudo farinha do mesmo saco. Se gritar “pega ladrão”, não fica um, meu irmão.

MaisRecentes

Um Tite x Carille ajudará famílias das vítimas do acidente da Chapecoense



Continue Lendo

Na situação, também há simpatia por união geral e candidato único no Flamengo



Continue Lendo

Grêmio tem reunião nesta sexta na Conmebol: arbitragem em pauta



Continue Lendo