Deputado federal e acusado de assassinato vão representar a Série B no conselho da CBF



Uma reunião na sede da CBF na tarde desta terça-feira definiu quais serão os representantes da Série B no Conselho Técnico da entidade. Foram eleitos o vice-presidente do ABC e deputado federal, Rogério Marinho, e o presidente do Atlético-GO, Maurício Sampaio.

Marinho foi lembrado mesmo sem comparecer presencialmente ao encontro. Ele foi representado pelo presidente da Federação Potiguar, José Vanildo. O parlamentar fez parte da comissão mista que tratou da montagem do texto da Medida Provisória 671, que trata do refinanciamento da dívida dos clubes com a União e aguarda sanção presidencial.

Já Mauricio Sampaio é empresário, mas vive uma situação conturbada em Goiânia. Ele é acusado de ser o mandante do assassinato de um cronista esportivo, em 2012, e aguarda júri popular.

O próximo passo será definir os representantes das Séries C e D do conselho técnico. Pela Série A, foram eleitos Corinthians, Fluminense, Atlético-PR, Atlético-MG e Grêmio.



MaisRecentes

Pedro Abad pode deixar o comando do Fluminense ainda em 2018



Continue Lendo

Contratação de Felipe Melo pelo Flamengo faz parte de ‘presente de Natal’ pedido por Abel Braga



Continue Lendo

Após confirmação de Valentim em 2019, goleiro Martín Silva deve sair do Vasco



Continue Lendo