Deputado federal e acusado de assassinato vão representar a Série B no conselho da CBF



Uma reunião na sede da CBF na tarde desta terça-feira definiu quais serão os representantes da Série B no Conselho Técnico da entidade. Foram eleitos o vice-presidente do ABC e deputado federal, Rogério Marinho, e o presidente do Atlético-GO, Maurício Sampaio.

Marinho foi lembrado mesmo sem comparecer presencialmente ao encontro. Ele foi representado pelo presidente da Federação Potiguar, José Vanildo. O parlamentar fez parte da comissão mista que tratou da montagem do texto da Medida Provisória 671, que trata do refinanciamento da dívida dos clubes com a União e aguarda sanção presidencial.

Já Mauricio Sampaio é empresário, mas vive uma situação conturbada em Goiânia. Ele é acusado de ser o mandante do assassinato de um cronista esportivo, em 2012, e aguarda júri popular.

O próximo passo será definir os representantes das Séries C e D do conselho técnico. Pela Série A, foram eleitos Corinthians, Fluminense, Atlético-PR, Atlético-MG e Grêmio.



MaisRecentes

À espera de decisão da Justiça sobre eleição, oposição se movimenta no Vasco



Continue Lendo

Instituto Guga Kuerten consegue captar doações via ‘Clube do Patrocínio’



Continue Lendo

Grupos respeitam luto por Eurico, mas rearrumação política está em curso



Continue Lendo