Novo CEO do São Paulo foi indicado pelo empresário Abílio Diniz



Bourgeois terá a missão de gerir o fundo de investimento que será criado no Morumbi

A contratação de Alexandre Bourgeois para ser o CEO do São Paulo – conforme publicou a coluna na última sexta-feira, 19 – teve participação do empresário Abílio Diniz, que foi quem indicou o nome do executivo para o presidente Carlos Miguel Aidar. Segundo publicou o LANCE! na semana, Aidar e Diniz se aproximaram nos últimos dias e o empresário tem prestado consultoria ao clube, principalmente para melhorar a situação financeira no Morumbi (leia aqui).

Um dos objetivos de Bourgeois no Morumbi será gerenciar o fundo financeiro que será formado por empresários são-paulino. A ideia é que eles invistam dinheiro no clube e recebam como garantia a multa rescisória de atletas, podendo assim recuperar o investimento na venda do jogador. Antes de chegar ao São Paulo, o executivo liderou a Teisa, grupo de investidores que foi parceiro do Santos.

Em seu blog, onde escreve sobre futebol, Abílio Diniz escreveu na última sexta-feira, 19, que o São Paulo “está contratando um CEO para gerir o clube e, pelas referências que tenho, pode ser a pessoa certa para fazer as coisas acontecerem”.



MaisRecentes

Fernanda Colombo deixa a arbitragem, lança livro e quer ser comentarista



Continue Lendo

Audiência pública promete pressionar políticos contra MP que retira recursos do esporte



Continue Lendo

Técnico brasileiro Milton Mendes renova mais alta licença da Uefa para técnicos



Continue Lendo