São Paulo avalia que acordo de patrocínio a árbitros da FPF foi ‘desnecessário’



Além de ser patrocinadora máster do Palmeiras, Crefisa fechou patrocínio aos árbitros do Campeonato Paulista, fato que gerou muita polêmica

O patrocínio da Crefisa à arbitragem na reta final do Paulistão deixou muitos dirigentes insatisfeitos por conta da empresa ser a principal parceira do Palmeiras. Apesar de não colocar em dúvida os árbitros, a cúpula do São Paulo avalia que há conflitos éticos no acordo fechado pela Federação Paulista de Futebol (FPF). Segundo um dirigente são-paulino, o patrocínio da Crefisa à arbitragem do torneio “foi totalmente desnecessária” pois qualquer marcação a favor do Palmeiras poderá gerar questionamentos.

Conflito de interesse
Outro clube que se posicionou contra o patrocínio fechado pela FPF para a arbitragem do torneio foi o Red Bull Brasil, adversário do São Paulo hoje. “Entendemos que qualquer tipo de ação que gere algum conflito de interesses deve ser evitada”, afirmou Rodolfo Kussarev, presidente do Red Bull Brasil.

Padronização
A Liga Futsal quer que até 2017 as quadras dos 20 times participantes estejam padronizadas, nas mesmas cores e com linhas exclusivas para a modalidade. Para a 20 edição, que começa na próxima segunda-feira, a entidade adquiriu um piso ambulante que será usado nas quadras que ainda não estiverem nos padrões da Liga e cujo jogo for transmitido pela TV. O material do piso pesa oito toneladas e leva até cinco horas para ser montado. “Nossa proposta é ter um piso exclusivo para o futsal pois isso valoriza o esporte”, diz Guilherme Palhinha, diretor da Liga Futsal.

Além das quadras
Outra iniciativa de padronização da Liga Futsal é em relação às placas de publicidade ao redor das quadras, em que todas terão fundo branco independentemente da marca exposta. As ações de marketing ocorrem após a Liga se tornar independente da Confederação Brasileira de Futsal (CBFS), no fim de 2014.

Em negociação
Após as ações da 9ine envolvendo Anderson Silva com o Corinthians, Ronaldo Fenômeno já tem planos para formar uma nova parceria entre um lutador de MMA e um time de futebol. Novo agenciado de sua empresa de marketing, Vitor Belfort deve realizar ações envolvendo o Fort Lauderdale Strikers, time da liga americana NASL que tem Ronaldo entre os sócios.

Entre vizinhos
Além de ser agenciado pela 9ine, o fato de Vitor Belfort morar em Boca Raton, cidade vizinha de Fort Lauderdale, na Flórida, tem facilitado a aproximação entre o lutador e a equipe americana de futebol. Questionado sobre a parceria, Ricardo Geromel, que também é sócio dos Strikers ao de Ronaldo, afirmou que “ainda não pode contar muito”. Belfort, entretanto, treinou nesta semana com o uniforme do Fort Lauderdale Strikers, como mostra a imagem abaixo.

Belfort treinou com uniforme do Fort Lauderdale Strikers esta semana

Belfort treinou com uniforme do Fort Lauderdale Strikers esta semana

Obstáculos
Mauricio Slaviero, diretor-geral da Vicar, empresa responsável pela organização da Stock Car, afirmou que uma das coisas que atrapalham o crescimento da categoria no Brasil são os circuitos. Ou a falta deles.

O Autódromo de Brasília, por sinal, teve a corrida de abril deste ano cancelada, e a de setembro corre risco, visto que a reforma no local ainda não acabou e precisará ser acelerada para terminar a tempo.

Além dele, as cidades de Campo Grande e Londrina buscam se adequar para receber uma etapa da modalidade.

Pelos boxes da categoria, até a prova de Interlagos, em São Paulo, prevista para o final do ano, é colocada em xeque por conta de reformas.

Na avaliação de Slaviero, apenas os autódromos de Goiânia, Santa Cruz do Sul, Cascavel e Tarumã são os exemplos a serem seguidos na categoria.

De Letra

“O São Paulo é acostumado a ir bem mesmo quando está sem técnico”

Carlos Miguel Aidar, presidente do São Paulo, que tem elogiado o trabalho
do interino Milton Cruz enquanto o clube não contrata um novo treinador



  • Saulo Antonio Porphiro

    Complicado arbitragem patrocinada mediar partida na qual uma das equipes é patrocinada por uma das equipes.

    • Rodrigo Rachid

      A RGT e a CBF favorecem o Corinthians desde que eu nasci e ninguém fala nada????????????

  • Saulo Antonio Porphiro

    …mesmo patrocínio da arbitragem é o mesmo de uma das equipes na qual a partida será mediada.

  • UE O TRICOLOR TAMBEM NAO E PATROCINADO PELA PENALTY…OQUE VALE EA GRANA EM CAIXA .UM ABRAÇO

  • A PENALTY NA CAMISA DAS ARBITRAGEM NAO A MESMA QUE PATROCINA O TRICOLOR..

MaisRecentes

Federação dos Treinadores faz reunião com participação de diretor da CBF



Continue Lendo

Clubes do Rio e organizadas: STJD discutirá se tem ‘poder’ para analisar casos



Continue Lendo

Novo auxiliar do Palmeiras: Apoio de Dunga e passado com Roger



Continue Lendo