CBF será chamada para debater MP em Brasília



MP que pretende modernizar o futebol deve entrar na pauta do Congresso na próxima semana

Os dirigentes da CBF deverão ser chamados para comparecer em Brasília para debater o conteúdo da Medida Provisória (MP) no Congresso. A iniciativa deve-se ao polêmico Artigo 5 do texto que regulamenta entidades que organizam competições de futebol no país, no caso a própria CBF. A questão gera incertezas sobre a sua constitucionalidade mesmo entre os parlamentares, que pretendem realizar um debate jurídico sobre o tema para evitar que algo insconstitucional seja aprovado por eles.

Pronto para o debate
Questionado sobre o assunto, o ex-deputado federal e futuro secretário-geral da CBF, Walter Feldman, afirmou que “irá ao Congresso se for chamado” para debater a questão.
Segundo ele, que ressalta sua atuação de 40 anos como parlamentar, o projeto elaborado pelo governo “ultrapassou a barreira da constitucionalidade” ao conter medidas que impõem limites e obrigações na administração atual da CBF.

Em formação
A Comissão que ficará responsável pelo debate em relação à MP que regulamenta o futebol será definida no início da próxima semana. O grupo será formado por 13 senadores e 13 deputados federais, sendo um representante do Senado o presidente da Comissão e um parlamentar da Câmara o relator do projeto.

Sem imagem
Com 95 anos, o ex-presidente do Corinthians, Alberto Dualib, esteve na noite da última quarta, 25, na Confraria dos Churumelas, encontro de conselheiros e associados do clube que ocorre há mais de 20 anos. No evento, o ex-dirigente tirou fotos com vários cartolas, da situação e de oposição. O único que se recusou a ser fotografado ao lado do ex-presidente foi Antônio Roque Citadini, que foi VP de futebol e tido como fiel escudeiro de Dualib em sua gestão.

Projeto em análise
O presidente do Vasco, Eurico Miranda, se reuniu recentemente com o arquiteto Sérgio Conde Caldas para conversar sobre o projeto de modernização de São Januário. A intenção do cartola é dobrar a capacidade do estádio, que comporta atualmente cerca de 20 mil pessoas. Caldas foi o responsável pelo projeto que foi a principal proposta da campanha de Julio Brant, candidato derrotado por Eurico na eleição do clube, no ano passado.

Filho de peixe
O filho do presidente do Vasco, Eurico Brandão, o Euriquinho, que é assessor da presidência do clube, também participou da reunião com o arquiteto. E nesta semana foi a Portugal visitar o estádio do Bessa, que pertence ao Boa Vista, que serviu de inspiração ao projeto do arquiteto Sérgio Conde Caldas.

Fazendo história
O Campeonato Sul-Americano de Rugby XV é mais uma prova de que a modalidade está crescendo no Brasil. Pela primeira vez na história, um torneio internacional terá a participação de um trio de arbitragem brasileiro. Henrique Platais e os auxiliares Xavier Vouga e Murilo Bragotto irão comandar a partida de abertura entre Uruguai e Paraguai, que ocorrerá em Montevidéu, no próximo dia 11.

Precisão
Um novo sistema para auxiliar o árbitro em lances de difícil decisão nas partidas de vôlei foi utilizado no último fim de semana durante os jogos das semifinais da Superliga Masculina.

Denominado Penalty D-Tech, o sistema desenvolvido pela empresa de material esportivo abrange uma bola que atua em sinergia com seis câmeras que captam imagens das linhas laterais e de fundo da quadra.

O sistema identifica com precisão a posição da bola em um raio de ação de 30 centímetros para dentro ou para fora das linhas, com as imagens sendo processadas diretamente para os árbitros.

Foram oito anos de desenvolvimento pela área de inovação e tecnologia da Penalty, sendo que os últimos dois anos foram dedicados a testes de comprovação do sistema em competições.

De Letra

“A CBF terá que entrar em campo para debater o tema”

Otávio Leite, deputado federal, sobre o Artigo 5da MP, que impõe medidas em relação a entidades que organizam torneios de futebol no país.



MaisRecentes

Federação dos Treinadores faz reunião com participação de diretor da CBF



Continue Lendo

Clubes do Rio e organizadas: STJD discutirá se tem ‘poder’ para analisar casos



Continue Lendo

Novo auxiliar do Palmeiras: Apoio de Dunga e passado com Roger



Continue Lendo