Comitê Organizador e COB terão 5 mil vagas em curso de inglês para 2016



Acordo entre o Comitê Organizador dos Jogos Rio 2016 e a rede de idiomas EF Education First foi assinado há um ano

O Comitê Organizador dos Jogos Rio 2016 e o Comitê Olímpico do Brasil (COB) terão, juntos, um total de cinco mil licenças gratuitas de cursos online de inglês junto à EF Education First, que é parceira do evento. Desse total, 900 vagas já foram distribuídas para os colaboradores de ambas entidades, sendo 170 para o COB. Nos próximos dias, está previsto o início da distribuição das 531 licenças destinadas aos atletas brasileiros. Outras 700 vagas serão destinadas a empresas parceiras e colaboradores terceirizados.

Curso de línguas
Dentro das cinco mil licenças de cursos de idiomas para as entidades olímpicas, estão incluídas ainda 30 aulas presenciais destinadas a executivos do Comitê Organizador, além de 15 aulas de Português voltados para profissionais de outros países que ajudarão na organização dos Jogos. Já em relação aos voluntários, o acordo prevê até 120 mil vagas em cursos online através da rede de idiomas parceira do evento.

Além dos Jogos
Por conta das comemorações aos 500 dias que faltam para o início dos Jogos Rio 2016, a EF Education First encerrou ontem o primeiro treinamento voltado a professores e alunos da rede estadual de ensino do RJ. A iniciativa, feita em parceria com a Secretaria Estadual de Educação (Seeduc), disponibilizará 500 mil licenças para os alunos, número alusivo à data comemorada esta semana.

Equipe olímpica
Liderado pelo ex-judoca Flávio Canto, a multinacional Cisco apresenta hoje, no Museu de Arte do RJ (MAR), o time de atletas patrocinados pela empresa, que é patrocinadora dos Jogos Rio 2016. A equipe ainda conta com Yane Marques, medalhista olímpica no pentatlo, Marcus Vinicius D’Almeida, jovem talento do tiro com arco, e Yohansson Nascimento, do atletismo paralímpico.

Sem fio
Com dificuldade para vender os camarotes da Arena, o Corinthians ainda tem um problema para resolver no acabamento do setor. Parte do espaço VIP do estádio está sem eletricidade pois ainda faltam instalar cerca de 30 quilômetros de fios na área. Dos 89 camarotes da Arena, menos de 20 foram vendidos. A coluna tentou falar com representantes do clube mas as ligações não foram atendidas.

Mais sócios
Após cair da 2 para a 4 posição entre os maiores programas de sócios do país, o Grêmio lançou duas ações para atrair novos associados. Na primeira, os sócios que estiverem inadimplentes poderão ter toda a multa pelo atraso descontada caso fique um ano fidelizado. Desde o lançamento da ação, há um mês, 1,8 mil torcedores se cadastraram.

Plano acessível
A outra ação do Grêmio é o lançamento do “sócio colaborativo”, um plano mais simples com mensalidade de apenas R$ 10 onde o associado poderá ter vantagens em produtos e serviços. A diretoria espera atrair 100 mil inscritos no plano tendo como base o Exército Gremista, ação lançada em 2009 que teve 450 mil cadastros. Com 41 mil sócios ativos, o Grêmio faturou R$ 48 milhões com o programa  em 2014.

Distância
Candidato a presidente da Fifa, Luís Figo participou ontem de um evento da campanha “Joga Seguro”, que previne casos de morte súbita no esporte, na Universidade do Porto, em Portugal. O ex-jogador português é embaixador da iniciativa.

Mesmo concorrendo ao cargo na entidade máxima do futebol, período em que o noticiário ganha peso para a disputa pelo pleito, Figo não tem feito a mínima questão de se reaproximar  da imprensa portuguesa.

A relação do ex-jogador com os jornalistas portugueses é estremecida desde as críticas que recebeu em seu país por ter deixado o Barcelona para jogar no rival Real Madrid.

No evento de ontem, apesar da presença dos jornalistas portugueses para entrevistá-lo, Figo solicitou aos organizadores para não deixá-los se aproximar.

De Letra

“Injetaram uma série de medidas no texto que não têm base jurídica nenhuma”

Walter Feldman, ex-deputado federal e futuro secretário-geral da CBF, sobre a MP do governo impor diversas obrigações às entidades que organizam torneios de futebol no país.



MaisRecentes

Presidente eleito da Federação Mineira vê clubes de BH no mesmo nível de SP e RJ



Continue Lendo

Del Nero promete solução na segunda-feira para transmissão dos jogos da Seleção



Continue Lendo

Presidente da Ferj tira terceira licença em 2017



Continue Lendo