Bom Senso FC faz críticas ao fair play financeiro da CBF



O Bom Senso FC divulgou nesta quinta-feira, 5, um posicionamento sobre o fair play financeiro divulgado pela CBF nesta semana e fez duras críticas ao modelo que será adotado pela entidade no Campeonato Brasileiro. Além de ironizar a iniciativa chamando-a de ‘fair play genérico’, o movimento de atletas diz a medida “não faz mal a ninguém”.

O erro principal apontado pelo Bom Senso FC é a forma como os clubes serão punidos por atrasos salariais, onde o atleta da própria equipe precisa entrar com uma ação contra seu próprio time para que ele perca pontos no campeonato. “A exposição do jogador torna o modelo ineficaz”, diz o texto do movimento.

Ainda de acordo com o Bom Senso FC, o ideal seria adotar um modelo em que “os clubes prestem contas periodicamente sobre o pagamento de salários e direito de imagem a todos os seus funcionários (atletas e não-atletas) e com punições desportivas e responsabilização pessoal dos dirigentes que não estiverem em dia com suas obrigações fiscais e trabalhistas”, e defende o funcionamento do fair play financeiro através de um projeto de lei, como contrapartida ao refinanciamento da dívida dos clubes.



MaisRecentes

Arena da Baixada recebe evento com forças da segurança pública do Paraná



Continue Lendo

Justiça determina que eleição no Volta Redonda tenha urna para sócios ‘sub judice’



Continue Lendo

Sucesso na temporada faz Fortaleza crescer nas redes sociais



Continue Lendo