Por patrocínio, São Paulo ofereceu pacote de ações à Crefisa



Um dos setores do estádio do Morumbi foi oferecido nas negociações à Crefisa, que não aceitou pagar valor pedido pelo São Paulo

Na negociação com a Crefisa, que fechou patrocínio com o rival Palmeiras, o São Paulo chegou a oferecer um pacote de propriedades à empresa que incluía até mesmo a exploração de um dos setores do Morumbi. O clube, entretanto, não quis baixar o valor que vem negociando para seu patrocínio máster e aponta que o valor fechado pelo rival desvalorizaria sua marca. “Nossa entrega era maior e não fazia sentido baixar a proposta”, diz Douglas Schwartzmann, VP Comunicação e Marketing.

Interesse mútuo
Douglas Schwartzmann aponta ainda que foi a própria Crefisa que procurou o São Paulo propondo o patrocínio. E que nas reuniões ainda fez um teste sobre o real interesse da empresa no acordo ao oferecer “de graça” a exposição nos dois jogos que o clube fará em Manaus contra Flamengo e Vasco. “Mas havia um interesse mútuo entre eles”, diz o dirigente, em alusão ao time do coração de José Roberto Lamacchia, dono da Crefisa, que é palmeirense.

Outro lado
O presidente do São Paulo, Carlos Miguel Aidar, nega que foi com sua namorada, Cinira Maturana, à sede da FPF para o evento da Fifa sobre futebol feminino, na última quarta, 21, conforme publicada na edição de ontem. Segundo ele, Cinira estava em outro local público no mesmo horário em que esteve na federação.

Grupo unido
Coordenador técnico de seleções femininas da CBF, Fabrício Maia diz que a iniciativa de montar uma seleção permanente na modalidade foi essencial para reunir o grupo além das datas Fifa. “Sem esse investimento, 26 das 27 atletas estariam jogando no exterior”, diz ele. Enquanto a média dos salários dos times femininos no país é de cerca de R$ 2,5 mil, as jogadoras “contratadas” pela CBF ganham pelo menos R$ 9 mil.

Novo mandato
Ex-membro do Conselho Fiscal do Vasco, João Amorim iniciou ontem seu mandato de três anos à frente do grupo de oposição Cruzada Vascaína. Por ter analisado as finanças do clube de São Januário nos últimos anos, ele diz que a “situação financeira atual é muito crítica” e que isso tem dificultado a administração de Eurico Miranda de fazer contratações de impacto neste início de temporada.

Mera formalidade
Entretanto, Amorim critica em dois pontos da atual gestão. O primeiro é o programa de sócios, que conta com apenas com 15,5 mil inscritos. O outro foi a aprovação pelo Conselho Deliberativo do orçamento para 2015 sem passar pelo órgão fiscal do clube. “Foi uma mera formalidade estatutária”, diz Amorim, sobre os R$ 251 milhões de receitas e R$ 178 milhões em despesas previstos para este ano.

Sem conversa
Após ter sua candidatura à presidência do Corinthians impugnada por fraudes na inscrição da chapa, Ilmar Schiavenato não tem atendido a imprensa e fala sobre o caso apenas com pessoas próximas. Ele irá se pronunciar apenas na próxima segunda, 26, quando dará uma entrevista coletiva para comentar sua exclusão da eleição do clube.

Urgente

Após vencer a concorrência com o São Paulo e fechar o patrocínio máster com a Crefisa pelos próximos dois anos, o Palmeiras surpreendeu os veículos de comunicação agendando a coletiva para apresentação do acordo em cima da hora.

O aviso para o evento, ocorrido ontem ao meio-dia no CT do clube, foi feito com apenas duas horas de antecedência, algo incomum quando o caso não é de extrema urgência.

Por conta disso, alguns veículos de comunicação deixaram de cobrir a apresentação, que além do presidente do Palmeiras, Paulo Nobre, também contou com executivos da Crefisa.

Segundo o clube, o acordo ocorreu na noite da última quarta (21), e que a urgência para o evento ocorreu para “evitar que notícias sobre o contrato vazassem no mercado”.

De Letra

“Quem quiser conversar para ficar ou sair, vamos conversar”

Modesto Roma Jr., presidente do Santos, sobre o clima no clube em que muitos jogadores estão insatisfeitos com os atrasos no pagamento dos salários.



  • Daniel

    É mentira, o próprio dono da Crefisa revelou que os valores negociados com o SPFW não eram superiores ao pago para patrocinar o Palmeiras. O que acontece é que, mesmo sem participar da libertadores, o Palmeiras está em ascensão, com a nova Arena, só tende a crescer, ainda mais que o time está com dinheiro em caixa para investimentos, o que o torna mais visado ainda. Isso de que o valor desvalorizaria a marca e que pediram mais é mais uma chorumela do SP para sair por cima, sendo que tomou outra invertida. A que ponto chegaram, lamentável!

    • Henrique

      Acredito que o Palmeiras esta com tanto rancor com o São Paulo ao ponto da diretoria das exigir que a Crefisa falasse que o projeto era melhor, que os número são melhores e bla bla bla, só para dar a impressão de um chapéu…

      A verdade é que quem saiu perdendo foi a própria crefisa que deixou de exibir sua marca pelo continente visto que o São paulo participará da Libertadores, sem contar que a torcida do São paulo é maior e vende mais camisas, mais pay-per-view o que também divulgaria mais a marca.

      Quanto ao Palmeiras ser um time em ascensão por causa dos investimentos em contratações e pela nova arena, isso não passa de balela.. Se o Palmeiras começasse o ano com a base do ano passado era rebaixamento certo em 2015. Essas várias contratações eram mais que necessárias para que houvesse uma profunda reformulação no elenco.. Quanto ao estádio novo, quantos times nos últimos 2 anos construiram novas arenas ou reformaram as já existentes ???

      Enfim, quem tem negócio sabe que se não pode agir pela emoção como fez o representante da Crefisa e com certeza isso ele vai sentir no bolso, ou melhor, na conta.

      • Rafael

        Onde o SPFW vende mais camisas e ppv? viajou!!!!

      • o sao paulo ta com pires na mao deve 4000 milhoes ao bradesco e come presunto falando que e’ caviar time falido

    • CARLINHOS

      Qualquer empresa hoje em dia pensa duas vezes em trabalhar com o spfc depois da tentativa de chapeu na penalty.

  • Em entrevista a Diretora da Crefisa disse que a empresa fechou com o Palmeiras devido a contas em dia e que no Palmeiras não havia escândalos como acontece no Morumbi e que o valor fechado com o Palmeiras foi maior do que a oferta feita ao São Paulo, não entendo estas declarações do São Paulo dizendo que eles não querem desvalorizar a marca, será choro de perdedor???

  • Danilo Vieira

    Realmente é um valor acordado, para times pouco expressivos…Os porquinhos estão se apequenando de verdade…”Promoção na Arena”

    • carlos

      kkkkkkkkkkkkkkkkkkk

      • carlos

        Tricolor Decadente.

  • crefisa??? marca de povão..pobraiada ! kkkkkk sai fora…w torre deu míseros 60 mil no show do paul mcartney kkkkkkk e já estão vendendo cadeiras…mandam e desmandam la..qdo tiver show ,não tem jogo ! e ta falado já ! kkkkkkkkkk inquilinos por 30 anos…passa rápido !!

  • Edson

    Vsaleu freguesada
    É nois
    Vai Corinthians

    • fabio

      vai vagabundi!! lixo bandido

  • Os Porquinhos estão felizes com este patrocínio, só que a diretora da tal empresa esquece que o parmerinha tava falido, só ta numa situação melhor agora por causa do roda presa do presidente que nem pra piloto de rally serve, então não se achem muito coisa, porque vcs tem que crescer muito ainda para chegar ao nível do tricolor.

  • Esse japa caipira acha que só tem futebol em SP. Deixa de ser provinciano e ganhe o mundo , meu filho . Do contrário ficará a vida inteira no Lance Lixo .

  • Luiz

    A Madame Leonor tá num desespero de dar dó. Sua ruína está só começando, cambada de mimadinhos arrogantes.

  • Marcio

    Palmeiras precisa de qualquer valor pra bancar os jogadores que adquiriu além de ter que pagar empréstimo pra diretor que injetou capital no clube nos anos anteriores além de dever o estádio pra empreiteira.

    O São Paulo sempre teve uma política de patrocínio e não creio que o Segundo lugar do Campeonato Brasileiro de 2014(maior exposição na mídia) seja menos valorizado que a porcada da Segunda Divisão.

    Acordem italianos burros!

  • peroba

    o SPFC já quebrou (literalmente) duas vezes, justamente por achar que é o bonzão e descobrir a verdade quando a barca já estava afundada. Agora esta acontecendo a mesma coisa, incentivado pela torcida facebook, que só se manifesta pela internet. É atitude típica de torcedores afeminados e travestidos (reconhecida nacionalmente).

  • Rafael

    Vcs têm que pensar no retorno que a empresa espera quando resolve estampar sua marca em um time de futebol. Tendo em vista o São Paulo ser considerado um time de “elite” o alcance da marca CREFISA não seria tão grande entre nossos torcedores, pagadores de suas contas em dia e com nome na praça… olha o slogan da marca “Crefisa, crédito para negativados” quem está mais negativado que o Palmeirinhas… acredito que juntaram a fome e a vontade de comer…
    Abraço Nação São Paulina kkkkkkkk

  • dom titone

    enquanto o patrocinador do Palmeiras éa Crefisa o ibis do Jd.Leonor vai tentar lojas Marisa…
    (de mulher pra mulher)

  • O parmeira vai quebrar; tenham absoluta certeza, e vai levar esta tal de crefisa, que cobra o maior juros do mercado, só quero ver a hora quer começar a chegar os boletos , vai ser porcos correndo para todos os lados , e vai ser uma chiadeira dos diabos., guarani da capital.

    • Raphael

      MI MI MIMIMIMI …. o choro é livre

  • gustavo

    Vcs só estão na primeira divisão graças ao santos…
    Caso contrário seria mais um passeio na segundona….bando de incompetentes!!!!! Kkkkkkkk

  • valdir pereira de souza

    sou sao paulino e infelizmente essa maldita diretoria que se aposou do spfc.a alguns anos esta colhendo o que plantou depois de chutar a lg e rasgar um contrato com a puma e espulsar a penalty por ganancia.enpresa alguma quer patrocinar o clube.mais ano sem patrocinio bem feto

MaisRecentes

Levir Culpi x Fluminense: processo vira segredo de Justiça



Continue Lendo

Copa América-2019: Impasse contratual aumenta atraso na organização



Continue Lendo

‘Momento é delicado e precisamos reorganizar o esporte’, avalia João Derly



Continue Lendo