Pelé foi internado por não tomar medicação receitada por médico



Pelé voltou a ser internado dez dias após receber alta do hospital Albert Einstein, em São Paulo

Um dos médicos de Pelé revelou o motivo que levou o Rei do Futebol a voltar para o hospital 10 dias depois de ter feito uma cirurgia renal.

– O Pelé sequer foi à farmácia comprar o antibiótico que havia sido prescrito a ele. Era importante tomar a medicação e ele não tomou. Depois piorou e teve de ser internado novamente – contou um influente infectologista paulistano.

O Rei do Futebol foi internado pela primeira vez no dia 12 de novembro e, após cirurgia para a retirada de cálculos renais, recebeu alta do Hospital Albert Einstein, em São Paulo, dois dias depois.

Entretanto, Pelé voltou a ser internado no dia 24 de novembro por conta de uma infecção em seu único rim, fato que levou o Atleta do Século ficar internado novamente por 15 dias.



  • Melhoras Pelé pois o Futebol precisa de voce … e o Santos Tambem , Abraço . Isaias

  • araruta filho

    O que ele queria, que o remédio viesse até ele, é brincadeira, como uma pessoa já beirando os duzentos anos, deixa isso acontecer.

  • Eduardo Berti

    Esse de prima, ta eh de ultima…. noticia q eh bom nada….

MaisRecentes

Presidente da Federação Paulista lamenta calendário apertado em 2018



Continue Lendo

Brasileiro de Aspirantes terá ajuda de custo e passagens bancadas pela CBF



Continue Lendo

Galiotte e Modesto em clima de paz: ‘É um dos mais éticos’, elogia o santista



Continue Lendo