Dinamite tem culpa, diz diretor do Vasco



FRAME - Roberto Dinamite, presidente do Vasco (Foto: Reprodução/LANCE!TV)

Roberto Dinamite, presidente do Vasco (Foto: Reprodução/LANCE!TV) Diário LANCE!

Um membro influente da diretoria do Vasco disse que um dos principais motivos para o segundo rebaixamento do clube, em 2013, foi a falta de experiência administrativa do presidente Roberto Dinamite. Disse que a renúncia de vários vice-presidentes, que romperam com o presidente – acusaram-no de decidir sem ouvi-los –, também alimentou a decadência do clube. Por último aponta que a crise começou no Brasileirão de 2012, quando diversos jogadores foram vendidos para fazer caixa.

Quase lá
O Palmeiras ainda não tem as CNDs necessárias para ter acesso a verbas públicas – está a caminho. O clube confirma que obteve as certidões da Receita e do INSS, e que já pediu as três restantes – o que indica que houve acordo com FGTS e os governos estaduais e municipais. Se os processos tiverem o trâmite de outros clubes, as certidões podem sair em poucas semanas.

Sem registro
A Procuradoria do STJD diz que não tem registro de ofensas no jogo Goiás x Flamengo. Na transmissão ao vivo da partida, na quarta-feira, foi possível ouvir torcedores rubro-negros gritando “bicha” a cada reposição de bola do goleiro Renan. O procurador Paulo Schmitt disse, por meio da assessoria, que “cânticos ofensivos e preconceituosos são passíveis de denúncia e punição”.

Novo prazo
Com a expectativa de resolver até ontem, o Flamengo estendeu para o meio da próxima semana o prazo para receber do Al-Nassr, da Arábia Saudita, o valor da venda do atacante Hernane. Flávio Willeman, vice-jurídico, diz que o assunto é tratado discretamente. O Flamengo quer evitar ir à Fifa, temendo que o caso se arraste na entidade. O clube saudita não pagou os R$ 7 milhões que deve ao Flamengo.

Na mira
O reaparecimento do ex-presidente Juvenal Juvêncio deve estimular as baterias do grupo do presidente do São Paulo, Carlos Miguel Aidar, contra o caudilho tricolor. Vários diziam que não queriam falar do ex-presidente por causa de seu estado de saúde. Mas já que ele diz que está bem… Um dos maiores alvos será o gerente da base – que Juvenal defende a todo custo.

Campanha
Seriamente ameaçado de não conseguir se reeleger em razão de sua gestão no Vasco – em seis anos, o clube teve dois rebaixamentos, em 2008 e 2013 –, Roberto Dinamite tenta melhorar sua imagem no clube. Nas últimas semanas, Dinamite inaugurou o Centro de Memória em São Januário e reinaugurou a piscina da sede do Calabouço, no centro do Rio.

Expansão
A 9ine pretende expandir seus negócios para o exterior, especialmente os EUA. A agência quer aproveitar o crescimento do futebol entre os americanos e conta com dois fatores para ter sucesso na empreitada: a forte imagem de Ronaldo, embaixador da empresa, e a estrutura das unidades americanas da WPP, um dos maiores grupos de comunicação do mundo. A investida deve iniciar em janeiro.

NA MESMA

Treino do Corinthians

Andrés Sanchez, ex-presidente do Corinthians

Quando o grupo de Andrés Sanchez assumiu o poder no Corinthians, em 2007, uma das prioridades era acabar com o “senta-levanta” no Conselho.

Na era Dualib, ao pôr votação uma proposta – quase sempre da diretoria – a mesa do Conselho pedia que os favoráveis deveriam ficar sentados e os contrários se levantar.

O constrangimento era tal que havia muitas aprovações unânimes.

A partir de 2008 aumentaram os debates e a democracia no clube.

Por um tempo.

Conforme Andrés Sanchez foi aumentando seu poder, os debates foram minguando.

Várias vezes, mudava o rumo de uma votação – como no caso do estádio perto de Guarulhos – com meia dúzia de palavras.

DE LETRA

“Se é para vender o clube a alguém, é melhor que seja um xeque do Dubai”

Wlademir Pescarmona, candidato de oposição no Palmeiras, sobre os empréstimo de Paulo Nobre ao clube.



MaisRecentes

Ana Paula Oliveira vê árbitro de vídeo como ajuda e confia em bom treinamento



Continue Lendo

Nuzman está inclinado a se explicar na Câmara sobre escândalo



Continue Lendo

CBV visita cidade que pode receber seleções de vôlei nos Jogos de 2020



Continue Lendo