Jogadores vão a Brasília para barrar a Lei de Responsabilidade Fiscal



BOM SENSO

O Bom Senso estará hoje no Plenário da Câmara dos Deputados, em Brasília, com cerca de 20 atletas – entre eles Alex, Dida e Barcos – para pressionar os parlamentares a barrarem a atual Lei de Responsabilidade Fiscal do Esporte. O grupo levará faixas para o que consideram o protesto mais importante da história do grupo. Ao mesmo tempo, CBF e clubes querem uma aprovação rápida e sem emendas profundas. Os jogadores, porém, pedem maior fiscalização e punição para os clubes que devem ao Fisco.

Em campanha
Os moradores da região de Itaquera, nos arredores da Arena Corinthians, se depararam neste final de semana com uma avalanche de cavaletes de propaganda política de Andrés Sanchez, candidato a deputado federal pelo PT. O dirigente tem o apoio oficial do clube e, segundo analistas, deve chegar perto da marca de 800 mil votos em outubro. Os gastos de Sanchez com a campanha devem chegar a R$ 3,5 milhões.

Time do povo
Após empatar com o Criciúma no Morumbi com de 46 mil pagantes, o São Paulo passou o Corinthians e é o clube com a maior média de público do Brasileirão – 29,8 mil pagantes por jogo, contra 29,1 do rival. O fato acontece em meio a protestos de organizadas corintianas contra a política de preços do clube, que vê uma queda no público, mas uma alta histórica na renda bruta dos jogos – arrecadou média de R$ 1,8 mi por jogo.

Impedimento
Marcelo Medeiros, vice de futebol do Internacional, afirma que o salário de Nilmar no Qatar é algo que o clube não está disposto a arcar. A diretoria do clube tem informações de que o atacante recebe R$ 1 milhão por mês, o que estaria fora da realidade do clube. Medeiros diz que novas contratações podem ocorrer, mas valorizou o atual elenco.

Legado
Todo o piso usado no Grand Prix Brasil de Badminton (Copa do Mundo), que acontece no Rio, será doado para o Centro de Treinamento da Confederação Brasileira de Badminton, em Campinas (SP). O valor do equipamento é avaliado em R$ 113 mil. Nos Jogos Olímpicos, o Brasil será estreante na modalidade e tem dois atletas garantidos na Rio-2016.

Sem lembrança
As 22 empresas parceiras dos Jogos Rio-2016 terão muito trabalho para aliar suas marcas nesses dois anos que faltam para o início do evento. Segundo levantamento da Nielsen Sports, das dez marcas mais lembradas à competição, cinco não patrocinam os Jogos: Banco do Brasil, Adidas, Brahma, Petrobras e Olympikus. Das parceiras que apoiam o evento e aparecem entre as mais citadas estão Coca-Cola, Nike, Visa, Bradesco e Claro.

Multiuso
O Maracanã estima receber 40 eventos até o fim deste ano entre sociais e corporativos. Outros seis eventos – esportivos ou shows – estão em negociação para ocorrer no Maracanãzinho. O valor do aluguel dos 23 espaços disponíveis no local varia de acordo com o tamanho do espaço, duração do evento e os serviços contratados.

DESCONHECIDO

Carlos Arthur Nuzman (Foto: Alexandre Loureiro/ LANCE!Press)

O Comitê Olímpico do Brasil (COB) apresentou no último domingo, 3, os 97 atletas brasileiros que irão participar das Olimpíadas da Juventude Nanquim 2014, na China.

Com idades que variam entre 14 e 17 anos, boa parte dos atletas presentes tinham seu primeiro encontro com os oficiais do COB.

No fim da apresentação do superintendente de esportes do COB, Marcus Vinicius Freire, o dirigente foi recebido por uma calorosa salva de palmas dos presentes.

Mas quando o eterno presidente da entidade Carlos Arthur Nuzman apareceu em vídeo para congratular os atletas brasileiros – ele não pôde ir ao evento – foi necessário que assessores puxassem as palmas para que os atletas entrassem no coro.

Nuzmam preside a entidade desde de 1995.

DE LETRA

“A jornada não precisa ser tão dolorosa”

Eduardo Paes, prefeito do Rio de Janeiro, sobre o que a cidade fluminense poderá aproveitar da organização da Copa para as Olimpíadas.



  • Irineu

    ele é muito melhor que muitos policos que só enganam o povo…

MaisRecentes

Presidente eleito da Federação Mineira vê clubes de BH no mesmo nível de SP e RJ



Continue Lendo

Del Nero promete solução na segunda-feira para transmissão dos jogos da Seleção



Continue Lendo

Presidente da Ferj tira terceira licença em 2017



Continue Lendo