Atletas na Ucrânia recebem propostas



Bernard

Jogadores brasileiros que atuam na Ucrânia não pretendem retornar das férias ao país europeu por conta dos confrontos separatistas na fronteira com a Rússia. Entre eles estão o atacante Bernard e o meia Douglas Costa, ambos do Shakhtar Donetsk, que já receberam propostas da Inter de Milão, da Itália, e do Monaco, da França, respectivamente. Mesmo sem constar oficialmente no regulamento da Fifa, o clima de guerra na região seria utilizado para brigar pela rescisão dos contratos milionários.

Novela
A contratação de Wellington Nem pelo Fluminense depende da avaliação do treinador do Shakthar Donetsk (UCR), que pode voltar a contar com o jogador. Segundo Paulo Angioni, diretor de futebol do clube carioca, a crise na Ucrânia também tem atrapalhado o andamento das negociações. O Fluminense, outra vez, espera resolver o assunto até o fim desta semana.

Processo natural
Contratado no fim de maio, o diretor de futebol do Flamengo, Felipe Ximenes, diz que em pouco mais de 40 dias não foi possível trabalhar todos os pontos que deseja no futebol do clube. Ximenes afirma que a proposta de trabalho montada inicialmente com a diretoria, baseada no profissionalismo, terá resultado gradualmente. Com 11 jogos, o Flamengo é o lanterna do Brasileirão.

Apoio
O presidente do Conselho Deliberativo do Vasco, Abílio Borges, afirma que não vai declarar apoio a nenhum grupo político concorrente à eleição presidencial. Borges diz que recebeu convites de alguns grupos para se manter no cargo após a troca da diretoria administrativa. Borges também é da Junta Deliberativa, composta pelos cinco poderes do clube (administração, assembleia geral, beneméritos, fiscal e deliberativo).

Voto aberto
Com a votação sobre o voto online marcada para o dia 24, na reunião do Conselho do Santos, a oposição santista corre atrás de assinaturas para que o voto seja aberto – são necessárias 51, número próximo ao de conselheiros de oposição. A derrota, porém, é vista por grupos críticos à atual gestão como inevitável, já que a diretoria conta com cerca de dois terços dos conselheiros.

Comitê
Embora a Copa do Mundo tenha terminado no último dia 13 de julho, o Comitê Organizador Local (COL) irá funcionar até dezembro deste ano. As funções envolvem, principalmente, a retirada dos equipamentos dos 12 estádios do Mundial, certas manutenções das arenas, além de transferência de conhecimento para o Comitê responsável pela Copa de 2018.

TVs na Copa
A Copa do Mundo impulsionou a venda de televisores no período de janeiro a maio de 2014. Este ano, a indústria vendeu para o varejo 7,1 milhões de TVs, frente a 5 milhões no mesmo período do ano passado – crescimento de 43%. A expectativa da Associação Nacional de Fabricante de Eletroeletrônicos é que sejam vendidos 16 milhões até o fim do ano, 4 milhões a mais que em 2010, ano da Copa na África do Sul.

CONTRADIÇÕES

Raymond Whelan, CEO da Match

Raymond Whelan, CEO da Match

Centro de uma investigação sobre venda ilegal de ingressos, a Match muda de posicionamento a cada descoberta da Polícia.

Na primeira prisão do CEO Ray Whelan, a empresa disse que tinha um “código rígido de venda” dos pacotes Hospitality – destinado às áreas VIP das arenas e negou qualquer ligação com Lamine Fofana.

Mas após a Policia revelar 900 ligações entre Whelan e Fofana, as respostas da Match mudaram de tom.

Agora, dizem que os “pacotes hospitality” podem ser vendidos para quem eles quiserem, a qualquer preço, inclusive para o próprio Fofana.

Esquecem que, em 2011, o próprio presidente da Match, Jaime Byrom, veio ao Brasil e disse que os tais pacotes tinham “preço fixo”, entre R$ 700 e R$ 2,3 milhões.

DE LETRA

“Precisou perder de 7 a 1 para a Alemanha para todo mundo ter solução para o futebol brasileiro”

Toninho Nascimento, secretário de futebol do Ministério do Esporte, sobre as mudanças na gestão do futebol no Brasil.



  • Ai que delicia, cara!

    Esse Toninho Nascimento é uma das maiores piadas que já passaram pelo Ministério do Esporte nesse país. Esse senhor é um comediante no cargo. É bem a cara do desgoverno petista.

    • Roberto

      E por acaso ele disse alguma besteira? É notório que há anos o futebol brasileiro está caindo aos pedaços. Clubes falidos, campeonatos deficitários, arbitragem ruim. Mas só foram prestar atenção nisso depois do chocolate alemão. E a CBF nadando em rios de dinheiro e rindo da nossa cara..

MaisRecentes

Vice geral do Flamengo minimiza discussão com colega de diretoria



Continue Lendo

Presidente eleito da Federação Mineira vê clubes de BH no mesmo nível de SP e RJ



Continue Lendo

Del Nero promete solução na segunda-feira para transmissão dos jogos da Seleção



Continue Lendo