Fatos contradizem explicação do Fla sobre troca de técnico



O vice de Futebol do Flamengo, Wallim Vasconcelos, disse nesta terça-feira que a causa da demora do aviso ao técnico Jayme de Almeida de que ele havia sido dispensado foi o fato de querer fazer a comunicação pessoalmente. O problema é que os fatos negam essa versão.

Wallim disse que avisou às 13h ao então diretor de futebol Paulo Pelaipe que queria se reunir com ele e Jayme, às 18h, depois do expediente do cartola em sua empresa de investimentos.

O dirigente disse que não queria demitir o treinador por telefone, mas pessoalmente. Como o caso vazou durante o dia, Jayme não foi ao seu encontro e a demissão acabou sendo oficializada mesmo por meio de uma ligação, apenas às 19h.
Wallim culpou Pelaipe por não avisá-lo a tempo que o treinador não iria a seu encontro.

O cartola pediu desculpas a ao treinador, mas fez questão de negar qualquer falta de respeito – embora tenha priorizado seu trabalho profissional ao encontro com Jayme de Almeida.

A questão é que essa explicação não bate com os fatos. Às 13h, a notícia da demissão do treinador e até de negociações com Ney Franco já haviam sido publicadas. E várias atribuíam as conversas ao período da manhã.

Essas notícias se contrapõem a outra explicação do Flamengo, de que só procurou Ney Franco depois do meio-dia, ao saber que ele se demitira do Vitória.

O presidente do clube, Eduardo Bandeira, chegou a dizer que Ney Franco havia se demitido porque sua mulher não havia se adaptado a Salvador.

Mas um episódio ocorrido meses antes não combina com essa explicação. Em dezembro de 2013, o Fluminense procurou Ney Franco para dirigir o clube, mas ele preferiu renovar com o Vitória e ficar em Salvador.



  • angelo raposo

    O fato é que Jaime mostrou-se limitado, perdido. Não dava para continuar.

    • neto

      CONCORDO, SÓ NÃO CONCORDO DA MANEIRA QUE ELE FOI DEMITIDO.

    • willians

      Com o time limitadíssimo, não dá pra fazer muita coisa, né?

      • Washington

        Dá sim. Dá pra ser campeão da Copa do Brasil, Taça Guanabara e Campeonato Carioca.

  • luismengaorj

    qual facção politica execrada do fla esse jornal é aliado mesmo? porque em nenhum momento a explicação do Wallim elimina o fato da informação ter vazado antes por outra pessoa..

  • Edu

    Luis ,

    O problema não é o jornal mas sim o colunista. Repare bem na necessidade dele em sempre aumentar qualquer problema do Flamengo e diminuir e muito no clube do coração dele…

  • Fidel Marx

    ahahahahahahahahahahahah!

MaisRecentes

Del Nero promete solução na segunda-feira para transmissão dos jogos da Seleção



Continue Lendo

Presidente da Ferj tira terceira licença em 2017



Continue Lendo

Vasco convive com atrasos salariais, mas mantém ascensão no Brasileiro



Continue Lendo