Jogadores do Paraná ameaçam greve



Paraná

Paraná está na sétima colocação do campeonato estadual, com 12 pontos (Foto: Divulgação)

Sem receber salários há três meses (dezembro, janeiro e fevereiro), os jogadores do Paraná ameaçam entrar em greve logo após o Carnaval. Além dos salários atrasados, o elenco cobra valores referentes à férias e 13º.

Ciente do ultimato, a diretoria tem pouco menos de três dias para quitar a dívida ou fazer um acordo com os atletas. Isso porque o Paraná enfrenta o Toledo, quarta-feira, às 21h50, no Estádio 14 de Dezembro, em Toledo, pela 10ª rodada do campeonato estadual.

Procurado pela De Prima, o ex-zagueiro Roque Júnior, atual diretor de futebol do clube parananense, não atendeu as ligações.

GREVE RECENTE

Durante a disputa da Série B do Brasileirão de 2013, o elenco do Paraná fez greve no começo de setembro e ficou dois dias sem treinar, também por causa dos salários atrasados. Na ocasião, a dívida foi quitada graças a doações de torcedores e empresários.



MaisRecentes

Vasco acerta aumento pontual da exposição do Azeite Royal na camisa



Continue Lendo

Especialistas em Direito do Esporte se unem em um novo escritório de advocacia



Continue Lendo

Caso Everest: Diário Oficial publica autorização para licitar nova sede do clube



Continue Lendo