Gobbi pode perder três meses de mandato



Gobbi
Conselheiros do Corinthians ligados a Andrés Sánchez vão tentar antecipar a eleição presidencial para novembro (marcada para fevereiro de 2015), o que cortaria o mandato de Mario Gobbi (foto) em três meses. Mas o tempo para fazer a reforma estatutária é muito curto, cerca de sete meses, incluindo votações no Conselho Deliberativo e assembleia de associados. A meta é fazer em quatro meses.

Holofote
Sem emprego, o gerente de futebol Paulo Angioni disse num evento que co-organizou no Rio que ninguém no Brasil tem tanta expertise na gestão de clube quanto ele. Na plateia estava o ex-diretor do Vasco René Simões, que também está desempregado.

Fogo rubro
Conselheiros de vários grupos do Flamengo estão fazendo uma aliança contra o que consideram descaso da diretoria. Dizem que o clube está abandonado e que eles são preteridos em favor dos sócios-torcedores. Na próxima reunião do Conselho Deliberativo, o clima deve esquentar.

Sem rusgas
Roy Hodgson, técnico da Inglaterra, selou a paz com o prefeito Arthur Virgílio Neto (Manaus) e o governador Omar Aziz (AM) em almoço no dia 17. Em dezembro, Hodgson causou mal-estar em Manaus ao dizer que preferia ficar no grupo da morte a jogar na Amazônia. Ficou com ambos.

Mãos limpas
O ex-árbitro assistente Marçal Mendes, que havia denunciado a Ferj por discriminar os árbitros e exigir que eles realizassem algumas atividades sem remuneração, fez denúncia semelhante contra a Federação Paulista de Futebol. Também neste caso o Ministério Público do Trabalho decidiu abrir investigação.

Retribuição
O presidente da CBF, José Maria Marin, nomeou os presidentes de federação Mauro Carmélio (CE) e Evandro Carvalho (PE) e José Vanildo (RN) “chanceleres do COL” em seus estados. Os três são cabos eleitorais de Marco Polo Del Nero, virtual futuro presidente da CBF. O título lhes dará acesso quase ilimitado na Copa do Mundo.

Barranco alvinegro
O terreno que o pré-candidato a presidente do Botafogo Antonio Carlos Mantuano anuncia como futuro CT está descartado. Segundo a diretoria, o lote recebido em 2008 é tão irregular que a terraplenagem e os muros de contenção sairiam mais caros do que a própria construção do CT.

Saturou
Andrés Sanchez, que em 2011 operou a adoção do modelo atual de contrato clube-TV, disse no Rio que a TV aberta precisa “maneirar na transmissão de jogos” Estudo da Pluri com 3.940 jogos no Brasil em 2013, mediu arrecadação de R$ 475 milhões, igual a 50 jogos da Liga dos Campeões.

Curso estelar
O curso de Gestão Técnica no Futebol, que a Universidade do Futebol vai realizar a partir do dia 10, possui uma lista de famosos jogadores e ex-jogadores, como Alex (Coritiba), Edu (ex-Betis e ex-São Paulo), Cris (ex-Vasco), William Machado (ex-Corinthians), Vagner Mancini e Roque Júnior (ex-Palmeiras).

De Letra
“Elitização do futebol é a coisa mais ridícula do futebol brasileiro”
Andres Sanches, ex-presidente do Corinthians, sobre o aumento do valor de ingressos no futebol brasileiro.



MaisRecentes

Detalhe técnico pode impossibilitar obra no campo do clube Everest



Continue Lendo

Mesmo debilitado, Eurico Miranda mostra sua força na política do Vasco



Continue Lendo

Apesar de decisão da Justiça, clubes apoiam Caboclo na CBF



Continue Lendo