Conselho Deliberativo do Santos se reúne hoje sem a presença de Luis Alvaro



Por Francisco Loureiro

O presidente licenciado do Santos, Luis Alvaro de Oliveira Ribeiro, não vai comparecer a reunião extraordinária do Conselho Deliberativo do Santos, que acontece na noite desta quarta-feira na sede social do clube. Há uma pressão entre conselheiros de situação e de oposição para que o ex-presidente compareça.

A decisão de ausência é fruto de uma determinação médica. Laor está licenciado da presidência do clube desde março de 2013, após ficar internado no hospital Albert Einstein, em São Paulo.

A reunião extraordinária vai discutir qual será a estratégia do Santos em relação à polêmica que cerca a transferência de Neymar para o Barcelona. É necessário um quórum mínimo de um terço dos conselheiros para o início da sessão.

As principais pautas são: pagamento de 40 milhões de euros do Barcelona para a empresa do pai de Neymar e renegociação do contrato do atleta em 2011. Em relação ao segundo tema, o então presidente Luis Alvaro negou ter autorizado Neymar a negociar com outros clubes, mas foi desmentido pelo próprio atleta,  que publicou em uma rede social um documento assinado por Laor em 2011 que concedia tal direito para Neymar.

O Santos ainda corre atrás dos contratos firmados entre a empresa do pai ne Neymar, a N&N Sports, e o Barcelona. Após ter pedido negado pelo Juiz da 3ª Vara Cível de Santos, o clube comunicou nesta quarta-feira que vai acionar o Tribunal de Justiça de São Paulo para a obtenção desses documentos.



MaisRecentes

Final da Libertadores desperta interesse do espectador brasileiro e audiência explode



Continue Lendo

Pedro Abad pode deixar o comando do Fluminense ainda em 2018



Continue Lendo

Contratação de Felipe Melo pelo Flamengo faz parte de ‘presente de Natal’ pedido por Abel Braga



Continue Lendo