Palmeiras fecha 2013 com R$ 22 milhões no vermelho



 

 

O Palmeiras fechou 2013, o primeiro ano da gestão de Paulo Nobre, com um déficit de R$ 22,62 milhões, pelo menos o oitavo ano seguido com resultado negativo.

 

O déficit foi registrado em todas as áreas, cujas principais são esportes, social e financeira. Na área social, o prejuízo foi de cerca de R$ 5,5 milhões. Nos esportes, incluindo futebol, foi de R$ 8,9 milhões e na área financeira o resultado ficou cerca de R$ 4,5 milhões negativos

O resultado surpreende porque uma das bandeira do presidente Paulo Nobre foi o saneamento das contas do clube. E, como o Palmeiras disputou a Série B, o clube teria em tese condição de fazer grandes cortes de despesas no futebol. Essas despesas certamente irão subir expressivamente, porque o time está voltando á Série A em 2014.

Desde o segundo ano da administração de Affonso Della Monica (2005-09), o Palmeiras fechou todos os anos no vermelho.



  • Edson

    Boa tarde. Poderiam tb informarem o total do individamento do palmeiras que aparece no balanço. Idem para Corinthians.
    Grato

  • Thomaz

    E os outros clubes fecharam como? Se for dar uma notícia tente ao menos ser imparcial e contextualizar adequadamente!

  • Geovani

    Em 2008 fechou positivo

  • Ricardo

    Vamos pesquisar melhor:
    http://investorcp.com/os-times-que-ficaram-no-azul-e-no-vermelho-em-2012/

    Não importam os motivos (fechamento de contratos de Arena) mas em 2012, o fechamento foi com superávit.

MaisRecentes

Vitória de Mufarrej no Botafogo não significará troca de funcionários



Continue Lendo

Presidente do COB diz que entidade já mudou e pede: ‘Vejam com outros olhos’



Continue Lendo

Corinthians espera premiação do Brasileiro em dezembro



Continue Lendo