Portuguesa cobra apoio da FPF na polêmica do rebaixamento



Manoel Da Lupa 09 Entrevista(1)

Manuel da Lupa sente falta do apoio da FPF (Foto: Tom Dib)

Rebaixada à Série B do Campeonato Brasileiro no julgamento da última segunda-feira no STJD, no Rio de Janeiro, a Portuguesa sente falta do apoio da Federação Paulista de Futebol (FPF) na polêmica que tomou conta do futebol brasileiro nos últimos dias.

– (Apoio) É complicado falar, mas a Portuguesa sente falta, sim. O Marco Polo (Del Nero, presidente da FPF) está em uma situação delicada. Ele é presidente da FPF, mas também é vice-presidente da CBF. Não vou criticar aqui. Mas o Marco Polo não é bobo, ele está vendo a pressão toda – declarou Manuel Da Lupa, presidente da Lusa, à De Prima.

Nesta quarta-feira, na sede da Federação Paulista de Futebol, Manuel da Lupa vai se encontrar com o vice-presidente Reinaldo Carneiro Bastos. Entre outros assuntos, o dirigente lusitano vai cobrar mais apoio da entidade.

Com a ausência de Marco Polo Del Nero, que está em Marrakesh, no Marrocos, para acompanhar o Mundial de Clubes da Fifa, Reinaldo é o principal nome da FPF no momento. Ele, no entanto, prefere se esquivar sobre a queda da Portuguesa.

– Não posso dar opinião, não acho nada, esse assunto é do Marco Polo. Não acho nada – limitou-se a dizer o dirigente, à De Prima.

NOVO JULGAMENTO

O recurso pedido pela Portuguesa será julgado no próximo dia 27, às 21h, no Pleno. Neste julgamento, a Lusa vai tentar reaver os quatro pontos perdidos em primeira instância.

– Mataram a gente no julgamento do Rio (no STJD). A decisão já estava pronta, a cama estava feita. Mas eu tenho fé que vamos reverter a situação no Pleno – afirmou Manuel da Lupa.



MaisRecentes

Governo admite que errou em MP que retira recursos do esporte



Continue Lendo

Sem resposta de Zé Ricardo, Milton Mendes entra no radar do Botafogo



Continue Lendo

Novo diretor de futebol do Fluminense, Paulo Angioni tem três nomes para lugar de Abel Braga



Continue Lendo