Arena Corinthians pode ‘encolher’ na Copa do Mundo



Arena Corinthians

Arena Corinthians será o palco da abertura da Copa do Mundo de 2014 (Foto: Divulgação)

O secretário estadual de esportes, Julio Semeghini, disse que a Arena Corinthians não terá 68 mil lugares para o público, mas apenas 60 mil. Ele afirmou que os demais espaços serão “áreas de apoio” e que o número de ingressos à venda é um erro, pois cerca de um terço deles serão destinados para patrocinadores e convidados da Fifa.

Opositor
Antonio Roque Citadini, jurista e ex-vice-presidente corintiano entre 2001 e 2004, será um dos candidatos da oposição na eleição presidencial do Corinthians no início de 2015. Roberto de Andrade, atual diretor de futebol do clube, é o nome escolhido pela situação.

Miniférias
A maioria das cidades-sede da Copa do Mundo vai decretar férias escolares durante o torneio. São Paulo, Rio de Janeiro, Belo Horizonte e Distrito Federal já tomaram a decisão, para as escolas municipais, estaduais e privadas. A ideia dos políticos é esvaziar as cidades para reduzir o trânsito.

Dúvida
O governo do Rio ainda não sabe se a cessão do Maracanã para o consórcio liderado pela Odebrecht será mantido. A justificativa é saber se a mudança do contrato de cessão é legal. Mas a empresa está pressionando para receber uma compensação porque não poderá mais construir lojas e estacionamentos no entorno.

Discurso contrário
Governadores, prefeitos e secretários ligados às cidades-sede exaltaram os pontos positivos dos sorteios para suas cidades. O único que divergiu foi o governador do DF, Agnelo Queiroz, que apostou no discurso de que “devemos pensar também na felicidade do povo das outras sedes”.

Vem, premiação!
Em busca de uma solução para quitar o atraso no pagamento dos direitos de imagem dos jogadores, a diretoria do Grêmio sonha em usar o valor pago pela CBF para o time que terminar o Brasileirão na vice-liderança: R$ 6 milhões. Mesmo que consiga o bônus, a dívida, segundo os dirigentes, não será quitada em sua totalidade.

Reforços
O Flamengo já iniciou negociações com três jogadores para reforçar o elenco para a disputa da Libertadores do ano que vem. Alguns nomes são mantidos em sigilo, mas as posições não: um lateral-direito, um meia e um atacante. Cícero, do Santos, é um dos indicados para o meio-de-campo.

Falhas na Copa?
Uma pesquisa com turistas estrangeiros pedida pelo Comitê Organizador Local (COL) e feita pela Fipe, da USP, revelou que o ponto mais reprovado é a falta de domínio de língua estrangeira pelos trabalhadores do setor de turismo e voluntários dos estádios da Copa do Mundo de 2014.

Favorito
Ali Bin Al Hussein, príncipe da Jordânia, tem sido apontado como um dos prováveis sucessores de Joseph Blatter, caso este vença a eleição presidencial da Fifa em 2015. Bilionário e mais jovem membro do comitê executivo, com 37 anos, Al Hussein foi elogiado por colegas como um sangue novo no futebol.

De Letra
“Já participei de muitas Copas, mas o sorteio sempre dá um frio na barriga”
Carlos Alberto Parreira,  coordenador técnico da Seleção Brasileira, sobre o sorteio de ontem dos grupos do Mundial de 2014 realizado na Costa do Sauípe.



MaisRecentes

Novo diretor de futebol do Fluminense, Paulo Angioni tem três nomes para lugar de Abel Braga



Continue Lendo

Fernanda Colombo deixa a arbitragem, lança livro e quer ser comentarista



Continue Lendo

Audiência pública promete pressionar políticos contra MP que retira recursos do esporte



Continue Lendo