Paulo André desperta interesse de partidos políticos



Treino do Corinthians

Articulado, Paulo André tem chamado a atenção de partidos políticos (Foto: Reginaldo Castro)

Um dos principais líderes do movimento Bom Senso FC, o zagueiro Paulo André, do Corinthians, se tornou alvo de disputa de partidos políticos. Além do PSOL, que promete procurar o jogador ainda em dezembro, outras duas legendas demonstraram interesse na filiação do corintiano. O jogador, no entanto, não tem vontade de entrar no cenário político neste momento.

Apoio
Joseph Blatter, presidente da Fifa, se mostrou favorável ao Bom Senso FC, que pede redução de jogos e mudança no calendário. O dirigente disse que o assunto é interno no Brasil, mas enfatizou que “ter jogos demais no estádio ou na TV não é bom para o futebol”.

Amizade
Rodrigo Caetano, diretor executivo do Fluminense, garante que não vai fechar com o Internacional e, com isso, tirar o lugar do amigo e diretor executivo de futebol Newton Drummond, o Chumbinho. Apesar de rechaçar um lugar na diretoria do clube gaúcho, Caetano não deve mesmo permanecer nas Laranjeiras em 2014.

Chance perdida
Parte da diretoria do Corinthians culpa o presidente Mário Gobbi por não ter vendido Romarinho para o Bayer Leverkusen (ALE), em maio, por 12 milhões de euros. Na época, Gobbi foi o único da direção favorável a manutenção do atacante, que, hoje, está na lista de jogadores negociáveis.

Estatuto
A Confederação Brasileira de Basquete (CBB) fará uma Assembleia Extarordinária no dia 18 de dezembro para discutir mudanças no estatuto. A pauta será adequações a MP 620 (mandatos de presidentes limitados a oito anos). Vale lembrar que a CBB já possui restrição de mandato.

Sem casa
A Chapecoense corre o risco de disputar o primeiro jogo na Série A do Brasilerão fora da Arena Condá. Isso porque a prefeitura de Chapecó e a Rotesma, empresa vencedora da licitação para realizar as obras para ampliar a capacidade do estádio para 15 mil torcedores, não garantem a conclusão da reforma até abril.

Perto do adeus
Após acertar verbalmente a renovação de contrato com o Atlético-PR, o meia Paulo Baier pode não permanecer no clube em 2014. Nos últimos dias, o jogador virou alvo de fortes críticas internas do presidente Mário Celso Petraglia, que está insatisfeito com a queda de rendimento do time.

Custo extra
O governo de Minas Gerais deve gastar de R$ 40 a 45 milhões com as estrutura temporárias para a Copa do Mundo. O valor é cerca de 25% maior do que o gasto para a Copa das Confederações. Neste torneio, aliás, a média de gasto das sedes para essas estruturas foi de cerca de R$ 30 milhões.

Corte de gastos
Zé Roberto está com os dias contados no Grêmio por causa do alto salário: R$ 600 mil/mês. Apesar da cláusula que garante a renovação em caso de classificação à Libertadores, o meia já conversa para sair de forma amigável. O elenco gremista não recebe os valores dos direitos de imagem há mais de um mês.

De Letra
“Isso você sai saber depois da Copa do Mundo no Brasil”
Michel Platini, presidente da Uefa, sobre a sua possível candidatura à presidência da Fifa em 2015.



  • jefferson pereira

    vai se fude esse negocio de bom senso vamos ver que vcs pega trem lotado mas vcs vai de carro emportado pro treino

    • groucho

      ou, como prova o internauta, o bom senso podia lutar por melhor escolarização da população

      • João Melo

        Groucho… tem razão. Parece um dialeto.

  • edivan romano

    Não acredito que temos tamtos jogos assim, estão de brincadeira salários altíssimos e querem jogar quando quiser, na minha opinão acho que os tenistas jogam mais que os profissionais do futebol, pelo menos três partidas por semana , se não for mais e também acho que cansa mais que no futebol…faremos o seguinte pede os preparado físicos dos tenistas e tudo se resolve…

  • joe LHP

    Como tem gente ignorante nesse país, merecemos mesmo pessoas como o Sarney, Collor, Maluf, Marin, Dualib, Eurico Miranda, Juvenal Juvêncio, Mustafá Contursi entre outras pragas, esses sim são os bons aos olhos dos ignorantes.

    • Hilton Pereira

      Concordo em gênero, número e grau!

    • martins

      Enfim, alguém escreve algo decente. Os caras tão tentando resolver as coisas, e uns imbecis são contra. Bom Senso apoiado!!!

  • Esse bom senso poderia lutar também pela saúde e pela educação do povo brasileiro, por que é o único protesto que está dando certo e contra a toda poderosa globo.

  • Vinícius de Lima

    Se ele for para o PSOL ele se enterra!

  • Eduardo

    AI SE VOCÊ ESTA ACHANDO QUE TEM MUITOS JOGOS DÁ LUGAR PARA OUTRO GARANTO QUE TEM UM MONTE DE JOGADOR QUERENDO OPORTUNIDADE

  • Hilton

    Pelo salario que eles ganham, deveriam jogar 24 hrs sem parar.

  • Paulo Menezes

    Não concordo com nada que foi comentado até agora, mas defendo até a morte o direito de todos se pronunciarem !

  • Roberto Andrade

    Bom senso. Tudo o que falta e o bom senso. Estes “atletas” esperam que nos da população, que amamos um time de futebol estejamos do lado deles, que junto com os diretores deixam nossos times falidos. Todos querem dividir o lucro, o prejuízo e que fica só para o clube.

  • flavio

    não esta contente, entra na brigada militar,ganha R$1,700, por mes, trabalha 176 horas mes, não tem direito a finais de semanas,feriados,etc…, podera ser chamado a trabalhar a qualquer hora.

MaisRecentes

Ana Paula Oliveira vê árbitro de vídeo como ajuda e confia em bom treinamento



Continue Lendo

Nuzman está inclinado a se explicar na Câmara sobre escândalo



Continue Lendo

CBV visita cidade que pode receber seleções de vôlei nos Jogos de 2020



Continue Lendo