Pressão e eleição na CBF mudam rumo da Copa São Paulo de Futebol Júnior



Del Nero

Pressão de Del Nero garantiu a Copinha de 2014 com todos os grandes clubes (Foto: Divulgação/CBF)

O fim do boicote ao São Paulo na Copinha de 2014 se deu por pressão de Marco Polo Del Nero. O presidente da FPF descobriu que os clubes revoltados já articulavam nos bastidores a criação de um torneio alternativo no Rio de Janeiro, que contava até com apoio de um canal de televisão e a possível presença de grandes times da Europa.

O lançamento de uma nova competição paralela à Copa São Paulo de Futebol Júnior enfraqueceria a candidatura de Del Nero à presidência da CBF. Temeroso, o dirigente paulista correu para convencer o presidente são-paulino Juvenal Juvêncio a aceitar o Código de Ética. O Tricolor acatou o pedido e, com isso, se comprometeu a não contratar jogadores menores de 16 anos da base de outras equipes sem antes negociar com elas.

A competição alternativa envolvendo as categorias de base estava sendo estudada e liderada por Rubens Lopes, presidente da FERJ, que é rival de Del Nero e também sonha com a presidência da CBF. O dirigente carioca contava com apoio de Botafogo, Flamengo, Fluminense, Vasco, Atlético-MG, Cruzeiro, Corinthians, Vitória, Coritiba e Sport.

A aceitação da pressão de Marco Polo Del Nero é mais uma prova da recente proximidade do São Paulo com a FPF. Candidato de Juvenal Juvêncio à presidência do Tricolor, Carlos Miguel Aidar já avisou que vai apoiar Del Nero como presidente da CBF.



  • Borgueness

    Perdeu-se uma grande oportunidade de se livrar dessa mumia em forma de gente.

  • e quanto a os empresarios?que aliciam jogadores promissores das bases.

  • Renato

    A direção do São Paulo já havia “se comprometido” a não fazer isso e fez. Se não manteram a palavra antes, quem garante que vão manter a palavra agora?
    Teria que haver uma indenização ou acordo pra devolver os jogadores e outra:
    Eleições à parte, uma competição no RJ com times internacionais iria ser muito mais vitrine do que a Copa SP que só serve pra fortalecer o futebol do estado. E os outros?
    Pra mim essa competição de Juniores no começo do ano era pra ser mais dinâmica, rotativa, com diferentes sedes nas federações, porque daria chance pra muito mais atletas e clubes se destacar.

  • E.SOUZA

    e os ditos E M P R E S Á R I OS como ficam?

  • É UM ABSURDO A SACANAGEM QUE OS CARTOLAS FAZEM, VC´S ACHAM QUE A PALAVRA DO JUVENAL JUVENCIO VALE O QUE ÊLE CAGA??? DUVIDO.

  • flavio

    Time safado e de dirigentes sem palavra. Assim que terminar a copa são paulo eles irão voltar à rotina de roubar jogadores!!!

  • Ricardo

    A verdade é uma só: Atleta com contrato digno, boa estrutura e salário em dia sempre estará menos suscetível à aliciamento. Tem muito clube carioca que arrota ética mas não paga nem os profissionais que atuam no time principal, imaginem então o pessoal da base!

MaisRecentes

Diretor da Chape compara permanência na Série A a título da Champions League



Continue Lendo

Botafogo sai da lista de clubes formadores da CBF. Coritiba retorna



Continue Lendo

Entidades buscam nome para preencher vaga no Tribunal Antidopagem



Continue Lendo