Leco retira candidatura à presidência do São Paulo



O vice-presidente do São Paulo, Carlos Augusto de Barros e Silva, o Leco, retirou sua candidatura à presidência do São Paulo na noite desta terça-feira. A decisão ocorreu em reunião do grupo político Participação, do qual Leco é coordenador, e ao qual pertence também o vice-presidente de comunicações e marketing do clube, Júlio Casares. Também participaram líderes de outros grupos ligados à atual diretoria do clube.

Leco e Casares eram, ao lado do vice social e de esportes amadores, Roberto Natel, os pré-candidatos da situação para as eleições presidenciais, que ocorrerão em abril. O atual presidente, Juvenal Juvêncio, acabou optando por Carlos Miguel Aidar. Casares retirou sua candidatura e oficializou apoio a Aidar, seguido por Natel. Leco, entretanto, sentiu-se traído, e manteve que seria candidato.

Na última quarta-feira, antes da vitória sobre o Náutico, pelo Brasileiro, Juvenal Juvêncio procurou Leco e fez um apelo para que apoiasse seu candidato.  O vice-presidente até chegou ao Morumbi no ônibus da delegação, mas ainda relutava em anunciar uma decisão.



MaisRecentes

Bittencourt é o primeiro presidente do Fluminense a apresentar dirigentes da base em Xerém



Continue Lendo

Pela primeira vez, desde que assumiu a CBF, Rogério Caboclo participará de um programa ao vivo



Continue Lendo

Santos e FPF se unem em campanha por apoio ao futebol feminino no Brasil



Continue Lendo