CBF esquece acordo e não se posiciona sobre dossiê do Bom Senso FC



BOM SENSO

Líderes do Bom Senso FC se reuniram com a CBF no último dia 7 (Foto: Igor Siqueira/LANCE!Press)

A CBF (Confederação Brasileira de Futebol) descumpriu o prazo de duas semanas estipulado com o Bom Senso FC e não enviou uma resposta para o agendamento de uma nova reunião. Por meio do departamento jurídico, o movimento dos jogadores procurou a entidade máxima do futebol brasileiro nesta segunda-feira, mas não obteve retorno.

“Ignorado” até o momento, o Bom Senso FC segue sem uma posição definitiva a respeito do documento entregue pelos líderes do grupo no último dia 7, durante uma reunião da sede da própria CBF, no Rio de Janeiro.

– Tentamos contato com a CBF, mas não conseguimos. Não sabemos porque a CBF não respondeu. Isso abre brecha para interpretarmos do jeito que quisermos, desde desinteresse até um simples esquecimento. Nós temos de trabalhar com todas as hipóteses. Como ainda não temos resposta, já estamos estudando o nosso próximo passo. Em todo caso, vamos fazer um último contato com a CBF amanhã (terça-feira) pela manhã. Vamos ver – declarou João Henrique Chiminazzo, advogado do Bom Senso FC, ao LANCE!.

O dossiê que está nas mãos da CBF tem cinco pontos para serem debatidos: melhorias no calendário, férias, pré-temporada, fair play financeiro, e representatividade dos jogadores nos conselhos técnicos.



MaisRecentes

Governo admite que errou em MP que retira recursos do esporte



Continue Lendo

Sem resposta de Zé Ricardo, Milton Mendes entra no radar do Botafogo



Continue Lendo

Novo diretor de futebol do Fluminense, Paulo Angioni tem três nomes para lugar de Abel Braga



Continue Lendo