Fla fecha com Maraca para desafogar caixa



 O Fla deve usar o futuro contrato trienal com o Maracanã para desafogar o caixa. Pagando quase R$ 100 milhões/ano de impostos, o clube quer antecipar receitas até receber da Globo. O direito de imagem dos jogadores está atrasado. Por isso, fechou o acordo, que será votado pelo Conselho Deliberativo na  terça-feira. A oposição quer garantia mínima de receita de R$ 500 mil por jogo.
Operação Valdivia
O vice de Marketing e o de Finança são os representantes do Fla na tentativa de levar Valdivia até o final do ano. Segundo intermediários, a ideia partiu de Kléber Leite, nome cotado para assumir o futebol, se Wallim Vasconcellos deixar o cargo no fim do ano.
Linha direta
O gerente de Futebol do Fluminense, Rodrigo Caetano, telefonou ao diretor de Futebol do Flamengo, Paulo Pelaipe, e disse que não conversou com ninguém do Fla. O contrato com Pelaipe termina no fim do ano e a tendência é que não seja renovado. Alheio a isso, o diretor está executando o planejamento para 2014.
Na mesma
Um levantamento feito por conselheiros do Vasco indica que o clube não está cortando despesas, mesmo com a enorme crise financeira. Usando dados extraoficiais, porque o Vasco não mostra seus balancetes, os conselheiros dizem que a despesa no Futebol é quase a mesma, com elenco pior.
 Duplo interesse
Na reunião das arenas e clubes com o ministro do Esporte, em Brasília, quinta-feira, sobre o preço dos ingressos, dois vices-presidentes da CBF estavam presentes, mas apenas um representou a entidade. Marco Ferreira, do Nordeste, representou a arena Itaipava Fonte Nova.
 Diferentes
A oposição do São Paulo tem como proposta evitar rota de colisão com CBF e Fifa. A avaliação dos líderes é a de que a postura combativa adotada na gestão de Juvenal Juvêncio gerou prejuízos ao clube. Já o candidato da situação, Carlos Miguel Aidar, já deixou claro que é favorável à criação de uma liga dos clubes.
Responsabilidade
Um parecer de uma auditoria sobre a compra de Valdivia pelo Palmeiras afirma que o clube induziu o parceiro a erro ao oferecer o contrato de patrocínio como garantia em outra operação. O documento diz que o presidente na época poderia ser responsabilizado por parte dos custos.
No vermelho
O Bahia já acumula prejuízo de cerca de R$ 172 mil com a Arena Itaipava Fonte Nova, nas duas partidas disputadas no local no segundo turno. Os jogos deficitários no novo estádio não são de hoje. O clube despediu-se do primeiro turno com prejuízo de R$ 71 mil, na derrota para o Cruzeiro.
Outra função
Fora da diretoria de finanças da CBF, Antônio Osório ganhou de Marco Polo uma nova função, a de relações públicas com as federações. Na quinta-feira, ele e outros dois diretores receberam o presidente da paraense. Há alguns anos, a função era da diretoria de Relações Institucionais, já extinta.
 DE LETRA
 “Um não conversa porque o outro tem cabelo comprido. O outro, porque ele é loiro. Falta diálogo, e deixar a política”
 Wlademir Pescarmona conselheiro do Palmeiras, cobrando diálogo entre as gestões do palmeiras.


MaisRecentes

Botafogo sai da lista de clubes formadores da CBF. Coritiba retorna



Continue Lendo

Entidades buscam nome para preencher vaga no Tribunal Antidopagem



Continue Lendo

Na Seleção, preferência para sorteio da Copa é estrear mais tarde



Continue Lendo